Sam Asghari
Foto: J. Merritt/Getty Images for GLAAD
in ,

Noivo de Britney Spears comenta sobre novos documentários sobre a cantora

CNN, Netflix e o The New York Times produziram novos documentários sobre a conturbada vida da cantora.

Desde que o documentário Framing Britney Spears chocou o mundo com revelações sobre a vida pessoal da cantora, sua relação com sua família e, principalmente, a controversa tutela liderada pelo seu pai, o planeta inteiro está de olho em Britney e na expectativa sobre seu futuro, tanto que mais documentários foram produzidos.

Noivo de Britney Spears comenta sobre novos documentários sobre a cantora
(Foto: Divulgação)

Leia mais: 

Nesta sexta-feira (24), uma espécie de continuação do “Framing Britney Spears” foi lançado nos Estados Unidos, também produzido pelo jornal The New York Times. O “Controlling Britney Spears”, promete novas revelações de “insiders”, pessoas que estão por dentro do que aconteceu na vida de Britney.

Além disso, a CNN e a Netflix já anunciaram novos documentários sobre a vida e tutela de Britney.

E sobre todas essas produções, o noivo da cantora, Sam Asghari, tem sua própria opinião e destaca que esses documentários, que são descritos como para “dar atenção” ao caso de Britney, não tiveram aprovação da cantora.

Em seu Instagram, Sam escreveu:

“Aparentemente minha opinião cresceu em valor nos últimos dias. Documentários anteriores deixaram um gosto ruim. Espero que esse seja respeitoso. Eu não culpo a CNN, BBC ou Netflix (que me fez sobreviver pelas quarentenas) por exibi-los porque como um ator eu também conto histórias de outras pessoas. Eu questiono produtores que fizeram eles “apenas para dar atenção” sem informação ou aprovação do assunto. Qualquer crédito por dar atenção [ao caso de Britney] deve ir para o [movimento] #FreeBritney.”

Sam Asghari Britney Spears documentários
Foto: Instagram @samasghari

Leia mais:

Madonna compara situação de Britney com prisão

Foto: Getty Images

A polêmica em torno da tutela da qual Britney Spears tenta se livrar nos tribunais se intensificou desde o depoimento chocante da princesa do pop à Justiça. Várias celebridades se manifestaram em julho, e Madonna foi uma delas.

“Devolvam a vida desta mulher. A escravidão foi abolida há muito tempo. Morte ao patriarcado ganancioso que faz isso com as mulheres há séculos. Isso é uma violação dos direitos humanos. Britney, nós estamos chegando para tirar você desta prisão”, declarou a artista.

Escrito por Kavad Medeiros

Efeito VMA: Saiba quem subiu na Hot 100 após performance

Coreógrafo de Normani fala sobre VMA: “Tudo o que podia dar errado, deu!”

As escolhas de Harry Styles no cinema - e o que elas significam

Novo álbum de Harry Styles pode ser lançado a qualquer momento, diz colunista