banner com link para rádio globo
(Foto: YouTube / Vogue Korea)
in ,

Jimmy Kimmel é detonado por comparar fãs do BTS à Covid-19

Internautas acusaram o apresentador de racismo nas redes sociais

Depois de James Corden provocar a fúria dos ARMYs, agora chegou a vez de Jimmy Kimmel. O apresentador de TV norte-americano deu uma declaração controversa em um recente episódio do seu talk show ao comparar os fãs do BTS com a Covid-19, doença que já tirou a vida de mais de 5 milhões de pessoa ao redor do mundo.

(Foto: YouTube)

Leia mais:

Kimmel recebeu a atriz Ashley Park em seu programa, ela está no elenco de “Emily em Paris” e fez um cover de “Dynamite” na série. Os integrantes RM e V, inclusive, elogiaram o trabalho dela nas redes sociais.

No bate-papo, Kimmel fez piadas sem graça relacionadas ao grupo de K-Pop. Primeiro ele disse que os ARMYs (que em inglês significa “exército”) poderiam atacá-la, mas Ashley revelou ser fã, então ele voltou atrás.

A atriz contou que estava na manicure quanto descobriu que V tinha postado o vídeo de sua apresentação de “Dynamite“. Ela lembrou que suas mãos tremiam tanto que foi um milagre terminar de pintar as unhas:

“Não conseguia pensar, não conseguia falar e não conseguia me levantar pelo resto do dia”.

Ela sentiu como se estivesse entrando em choque e achou que era apenas uma reação intensa levando em conta sua admiração pelo BTS. Só que no final das contas os sintomas que Ashley estava tendo eram na verdade da Covid-19. Ela explicou que nunca teria adivinhado que tinha testado positivo porque achava que seu corpo estava apenas “derretendo” porque o BTS a notou.

“Você pensou que era a febre BTS“, disse Kimmel e a atriz. Então, ele soltou a pérola: “Eles são ambos muito perigosos. Você tem sorte de sair viva“.

Desde o início da pandemia o povo asiático tem sido culpado pela propagação da Covid-19 e muitas pessoas acharam a piada de Kimmel racista. Internautas ficaram especialmente chocados por ele ter falado em frente a uma mulher descendente de sul-coreanos e que é fã do grupo de K-Pop.

Veja a repercussão:

Covid e o BTS são perigosos, diz o homem que mora em um país com mais de 63 milhões de casos de Covid agora mesmo“.

Eu estou tão cansada desses apresentadores de TV nojentos e seus comentários racistas sobre o BTS. Agora temos o b*sta do Jimmy Kimmel comparando os fãs do BTS à Covid-19. É uma falta de inteligência da parte de Kimmel que alimentou um comentário tão nojento ou ele simplesmente não liga?“.

Lembrar de asiáticos sempre que se fala em Covid-19 realmente tem que parar. Isso não é aceitável. E o que torna isso pior para mim é dizer isso a uma pessoa asiática. Tipo, falar com um asiático sobre a Covid-19 e ser como “…. BTS” não. Absolutamente não. Vá se f*der @jimmykimmel“.

De jeito nenhum que @jimmykimmel e @JimmyKimmelLive dizem que Covid-19 e BTS “são ambos perigosos” e saiam ilesos. Cansada das pessoas não verem racismo ao compará-los com Covid-19. Eles consideram como “apenas uma boyband” e não como pessoas“.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

Lil Nas X é eleito o músico mais estiloso do momento; Veja lista!

BBB22: Lina chora com medo de repetir trajetória de Ariadna