monetizar-youtube
Foto: Divulgação/Youtube
in

Descubra dez maneiras de monetizar no YouTube

Com novas formas de monetização, nos últimos três anos, o YouTube pagou mais de R$ 157 bilhões aos criadores

O YouTube vem aperfeiçoando a forma com que os criadores podem monetizar seus conteúdos. A plataforma é uma das mais utilizadas pelos artistas da música e sempre tem um espaço especial no planejamento de qualquer lançamento de música.

De acordo com a plataforma, nos últimos três anos, foram pagos mais de US$ 30 bilhões (aproximadamente R$ 157 bilhões) a criadores, artistas e empresas de mídia. Já no segundo trimestre de 2021, os criadores e parceiros do YouTube receberam mais do que em qualquer trimestre da história da empresa.

Estratégia de lançamento: como criar uma estreia no YouTube?

“Queremos continuar desenvolvendo novas maneiras de os criadores levarem seus negócios para o próximo nível, porque quando eles têm sucesso, nós também temos sucesso. No YouTube, compartilhamos a comemoração de cada novo marco atingido ou meta alcançada. À medida que os criadores procuram se tornar a próxima geração de empresas de mídia, continuaremos a oferecer mais maneiras de ajudá-los a fazer exatamente isso”, revela Robert Kyncl, Chief Business Officer do YouTube.

Mas, e se além de ser usada como uma ponte para divulgação e disseminação musical, o artista pudesse ter formas de gerar receita? É isso que o Guia MM de hoje traz: 10 maneiras de monetizar dentro do YouTube para inspirar e ajudar gerar receita dentro da plataforma.

Leia mais:

1. Shorts Fund

A plataforma começou a distribuir o YouTube Shorts Fund, um fundo de US $ 100 milhões para ser usado entre 2021-2022 para estimular a produção de vídeos curtos na plataforma. A cada mês, o YouTube entrará em contato com milhares de criadores qualificados para oferecer um pagamento do Fundo – os criadores podem ganhar de US$ 100 a US$ 10.000 com base na visualização e envolvimento em seus vídeos.

O Shorts Fund é o primeiro passo na jornada para construir um modelo de monetização para Shorts no YouTube e não se limita apenas a criadores no YPP – qualquer criador que atenda aos nossos critérios de elegibilidade pode participar.

Neste mesmo caminho, a plataforma tem fornecido financiamento por meio do Fundo Black Voices e Kids Fund.

2. Ads

Os anúncios têm estado no centro das fontes de receita dos criadores e continuam a ser a principal forma de ganhar dinheiro no YouTube. Os criadores recebem a maior parte da receita gerada pelos anúncios na plataforma.

3. YouTube Premium

O YouTube Premium é uma opção de assinatura paga que permite aos membros desfrutar de conteúdo sem anúncios, reprodução em segundo plano, downloads, conteúdo exclusivo e acesso premium ao aplicativo YouTube Music. A maior parte da receita de assinaturas vai para parceiros do YouTube.

4. Channel memberships (clubes)

Com os Clubes dos canais, os criadores podem oferecer benefícios e conteúdos exclusivos aos espectadores que ingressarem no canal como assinantes que pagam mensalmente a preços definidos pelo criador.

5. Super Chat

Os fãs que assistem transmissões ao vivo e estreias podem comprar um Super Chat: uma mensagem destacada no stream de bate-papo que se destaca da multidão para chamar ainda mais a atenção de seu criador favorito.

6. Super Stickers

Outra forma de os seguidores mostrarem apoio durante transmissões ao vivo e estreias é com os Super Stickers, que permite aos fãs comprar um adesivo divertido que se destaca.

7. Super Thanks (Valeu Demais)

Agora, os espectadores podem agradecer e agradecer os vídeos enviados também por meio do Valeu Demais. Como um bônus adicional, os fãs receberão um comentário distinto e colorido para destacar a compra, ao qual os criadores podem responder.

8. Merchandise

A estante de produtos permite que os canais exibam seus produtos de marca oficial diretamente em sua página de exibição no YouTube. Os criadores podem escolher entre 30 varejistas diferentes em todo o mundo.

9. Ticketing

Os fãs de música podem saber mais sobre a lista dos próximos shows e, com um simples clique, ir diretamente aos sites de nossos parceiros de venda de ingressos para comprar ingressos.

10. YouTube BrandConnect

Por meio do BrandConnect do YouTube (anteriormente conhecido como FameBit), o YouTube tornou mais fácil para criadores e marcas criar conteúdo de marca que seja autêntico e eficaz. O BrandConnect traz insights, medição e experiência do setor para o cenário de marketing de influenciadores – conectando marcas, criadores e fãs de forma integrada.

 

Escrito por Rafa Ventura

Rafa Kalimann compra mansão na praia; veja os detalhes!

Após críticas, Sarah faz apelo a favor da vacina contra Covid-19