Foto: Divulgação/Linktree
in

O que é um SmartLink e qual seu papel na estratégia musical?

Os SmartLinks são considerados um método de divulgação maciça das músicas para todas as plataformas digitais com apenas um clique

As redes sociais vivem uma avalanche de conteúdos e, cada dia mais, prender a atenção do fã é uma tarefa árdua. Além de gerar conteúdo de relevância, com verdade e de forma criativa, usando de todas as ferramentas que estão disponíveis no mercado, facilitar ao máximo o acesso do ouvinte a sua música deve ter uma função especial no planejamento.

Quanto menos esforço (leia-se, cliques) o usuário precisar fazer para acessar e ser impactado por um lançamento, mais eficaz é a comunicação entre o artista e o público final. Pensando nisso, para divulgar um novo álbum, EP ou single nas principais lojas digitais e físicas sem precisar copiar todos os links, um por um, o mercado tem se valido dos chamados SmartLinks. Endereço que, com apenas um clique, dá acesso a todas as plataformas digitais e demais produtos que um artista tem para oferecer.

Os SmartLinks são considerados um método de divulgação maciça das músicas em todas as plataformas, visto que ele impacta os usuários de forma única. Então, se o artista está em fase de pré-lançamento, por exemplo, ele pode abrir um SmartLink e compactar o acesso ao pre-save no Spotify, Deezer, Amazon Music, Apple Music e quantas mais plataformas desejar.

Vale destacar que, o pre-save permite criar engajamento antes da entrega efetiva da música, mantendo o suspense e dizendo ao público tudo sobre a data e o modelo do lançamento, o que gera curiosidade. Dessa forma, ao fazer o pre-save de uma música, o usuário adiciona automaticamente aquele lançamento a sua biblioteca e poderá ouvi-la assim que for lançada.

Leia também: A colunista Marina Mattoso ensina como e quando fazer o pre-save

Além disso, assim que a música for lançada, o artista pode alterar o seu SmartLink (algumas agregadoras/distribuidoras fazem isso automaticamente) para dar acesso às músicas já publicadas, ao videoclipe, playlist, site oficial, loja virtual, grupo de Telegram e todos os outros canais de contato e acesso que o artista possuir. Este link pode ser disponibilizado em todas as redes sociais, compartilhado na bio do Instagram, encaminhado para listas de transmissão e grupos do WhatsApp, por exemplo.

Como fazer um SmartLink?

Entendendo a importância desse formato de divulgação, a grande maioria das agregadoras/distribuidoras já fornece gratuitamente o SmartLink para os seus usuários. Mas, se o artista quiser criar seu próprio link, também há canais disponíveis de forma gratuita e de fácil acesso, como o Soundiiz ou LinkTree.

Escrito por Rafa Ventura

Já participou? Desafio do BTS no YouTube Shorts está valendo!

“Sobre Nós”: Documentário com MC Carol estreia no Globoplay