Sonny Chiba, de "Kill Bill", morre de complicações da Covid-19
(Foto: Divulgação)
in ,

Sonny Chiba, de “Kill Bill”, morre de complicações da Covid-19

Sonny Chiba estava com 82 anos de idade.

O ator japonês Sonny Chiba, o Hatori Hanzo do filme “Kill Bill” (2003), morreu de complicações da Covid-19. Ele estava com 82 anos e desenvolveu pneumonia. A informação foi confirmada por seu agente Timothy Beal à revista Variety.

Sonny Chiba foi internado em 8 de agosto para tratar a Covid-19. Onze dias depois, nesta quinta (19/8), faleceu. “Ele era um ótimo amigo e um maravilhoso cliente. Um homem muito amigável, carinhoso e humilde. Eu vou sentir falta com certeza”, disse o agente.

Sonny Chiba, de "Kill Bill", morre de complicações da Covid-19
(Foto: Getty Images / Uso autorizado POPline)

Além de ator, Sonny Chiba era lutador de artes marciais, o que o levou a trabalhar também como coreógrafo de dublês. Ele é creditado em mais de 125 produções dos famosos estúdios Toei, no Japão.

O cineasta Quentin Tarantino foi grande fã de Sonny Chiba. Foi dele o convite para os dois filmes de “Kill Bill”. Fora isso, um personagem do filme “Amor à Queima-Roupa” (1993), escrito por Tarantino, é declaradamente fã de Sonny Chiba.

Leia mais:

Outros trabalhos

Além de “Kill Bill”, Sonny Chiba também apareceu em filmes como “Velozes & Furiosos: Desafio em Tóquio” (2006), “Modo de Sobrevivência 5” (2004) e “Os Cavaleiros da Tempestade” (1998). Seu último trabalho foi o filme “Bond: Kizuna”, ainda inédito, dirigido por Ryuji Yamakita.

Escrito por Leonardo Torres

Fã do BTS pede V em casamento; RM e Jin reagem

Fã do BTS pede V em casamento; RM e Jin reagem

Assista a entrevista completa de Marisa Monte a Nelson Motta!