in ,

Ruby ressalta como as experiências pessoais inspiram sua carreira

Cantora mineira estrela nova temporada do Storytelling POPline, que já teve MC Zaac, Dana Paola e As Baías

Ruby. Foto: Divulgação

Já imaginou ter a vida do seu artista favorito contada por ele mesmo numa série de episódios? É exatamente isso que o quadro Storytelling POPline, que chega a sua quarta temporada nesta segunda -feira (22), propõe à nosso leitores. E estrelando a nova etapa, a cantora Ruby!

Foto: Igor Alarcon

LEIA MAIS:

Às voltas com o lançamento de sua nova música “UHLALA, que chegou às plataformas digitais na última sexta-feira (18), a cantora conta sua trajetória pessoal e profissional nos próximos seis episódios do especial. Nesta primeira edição, a estrela mineira revela como as experiências pessoais a inspiram sua carreira musical.

Segundo ela, a música foi basicamente a sua porta de entrada para o mundo. É que Ruby começou a cantando na igreja, mostrando seu talento. E de lá para cá, ela foi se encontrando e descobrindo novos cainhos através das artes, reverberando em seu olhar sobre si mesma e o mundo.

Ruby. Foto: Divulgação

Tem várias coisas que fazem parte da minha personalidade que nasceram em detrimento dessa limitação. Me relacionar com meu corpo, da minha imagem”, ressaltou a cantora. “Aquele momento em que eu me dispus a conhecer o universo fora da igreja, ir ao cinema, eu furei a orelha pela primeira vez com 18 anos e minha mãe surtou. Tinha essa tradicionalidade muito enraizada“.

O single “UHLALA“, inclusive, faz parte desse longo processo. Na faixa, Ruby fala sobre aceitação, autoestima e empoderamento. Tudo com uma batida marcante e empolgante. “Hoje eu tô tipo ‘uh la la'”, entoa ela, por entre os versos da faixa. Mas toda essa força veio surgindo com o tempo em sua vida.

“Comecei a escrever a letra dela e deixei guardadinha e falei dessa vontade de trazer essa solitude. Porque eu sempre fui uma pessoa muito sozinha. No começo, não foi escolha. Na escola eu era a unica que ia de saia, o que já me causava uma separação em detrimento das outras crianças. A imposição social faz a gente duvidar de nossa própria capacidade de se aceitar”

Situação que se reverteu através de seu encontro com a música. Tanto que em suas faixas a estrela convida o público ao amor próprio. Para saber mais da trajetória da artista, basta ficar ligadinho aqui na quarta temporada do Storytelling Poplne estrelado pela cantora.

Vale lembrar que anteriormente, nosso especial contou as histórias de MC Zaac, da cantora mexicana Danna Paolla e o grupo As Baías. Confira a entrevista com Ruby:

“UHLALA” exalta a beleza do povo preto e celebra o amor próprio

Com sua voz melódica e poderosa, Ruby lançou no último dia 18 a nova música “UHLALA”, com direito a um videoclipe bem colorido. Gravado nas ruas de Salvador, o vídeo é repleto de sensualidade, dança e figurinos de tirar o fôlego. A cantora nos mostra em seu videoclipe a aceitação de ser quem é, enquanto canta e dança nos encanta com sua beleza e voz.

É sempre uma conquista estar bem em sua própria pele, a ponto de não precisar de nada externo para te preencher. Acredito que quando se tem uma boa autoestima você consegue se doar de forma mais integral e verdadeira às relações interpessoais“, avalia.

A composição é de autoria da artista, ao lado de Arthur Marques, King e DJ Thay. O vídeo foi criado e assinado por Rodrigo Pitta, que já trabalhou com nomes como Anitta e Luísa Sonza. A coreografia ficou a cargo de Arielle Macedo (que também tem longo histórico de trabalho com Anitta) e Jacqueline Monteiro.

Escrito por Leonardo Rocha

No ‘PodDelas’, Sarah Poncio fala sobre haters: “desejaram a minha morte”

BBB22: Quarto lollipop define alvo do próximo paredão!