banner com link para rádio globo
Foto: Divulgação
in ,

Metallica descreve a frustração pela saída de Jason Newsted em 2001

O grupo fala sobre a difícil separação do antigo baixista em entrevista à Apple Music

Você não sai do Metallica. O Metallica deixa você“. Essa é a principal conclusão de uma nova entrevista com os ícones do metal e Zane Lowe da Apple Music, na qual o grupo mergulhou na mudança crucial de Los Angeles para São Francisco que ajudou a lançá-los na estratosfera do rock e na dolorosa separação com ex-baixista Jason Newsted em 2001.

Foto: Danny Clinch

LEIA MAIS:

“Jason é o único membro do Metallica que saiu por vontade própria”, disse o baterista Lars Ulrich a Lowe sobre o baixista que tocou no “Black Album”, que neste ano completou seu 30º aniversário. “E isso em si é uma estatística. Eu e o [guitarrista] James [Hetfield] não estávamos preparados no momento para fazer um mergulho profundo no motivo pelo qual ele estava indo embora. E então, é claro, agora você pode ver 20 anos depois, faz todo o sentido”.

Ulrich e Hetfield descreveram a frustração de Newsted na época sobre suas canções não serem aceitas durante as sessões de gravação, o que levou Newsted a se dar bem com o projeto paralelo Echobrain. No final, porém, o “cérebro” do Metallica afirma que se eles estivessem mais disponíveis emocionalmente, as coisas poderiam ter sido diferentes.

“Nós escrevemos as canções. Nós tomamos as decisões. Nós fazemos tudo isso”, disse Ulrich sobre seu duopólio com Hetfield, que está no centro artístico do grupo há quase quatro décadas. “Você não tem saída criativa nesta banda. Você não tem voz criativa. E então, quando você faz algo que lhe dá satisfação e uma forma de se expressar para o resto do mundo, ficamos chateados com você. E então esse ressentimento vem quando você deixa a banda. Não estávamos preparados para ver esse lado”.

LEIA MAIS:

A separação “faz todo o sentido” para Ulrich agora, com Hetfield explicando a saída de Newsted em termos filosóficos: “Ele estava em um ponto diferente de onde estávamos. Mas se [Robert] Trujillo (baixista que entrou no lugar de Newsted) surgisse com os mesmos sentimentos e dissesse que estava pronto para sair, eu e toda a banda lutaríamos por ele”.

Em retrospecto, Ulrich elogiou Newsted por dar tudo de si por 14 anos, em todos os shows, todos os dias. “Nós sempre costumávamos brincar, ‘ele está tão animado! Vamos cara, vai devagar”, ri o baterista. “Ele foi o primeiro a entrar, o último a sair. Ele estava dando autógrafos enquanto estávamos saindo do prédio acenando”.

Assista à entrevista abaixo (a discussão sobre Newsted começa por volta dos 44 minutos):

Escrito por Daiv Santos

Agnes Nunes, Tília e Madonna estão entre os lançamentos da semana!

Exclusivo: Lucas Silveira reflete sobre o “INVentário” com o 20º lançamento