(Foto: POPline)
in ,

Entrevista: “Quando você agarra o controle de sua vida, é mais difícil soltá-lo”, diz Thalía

Thalía explica por que não faz novelas há décadas, e ainda assim não descarta possível volta à atuação.

Thalía está feliz que suas novelas sejam disponibilizadas na Globoplay no Brasil. Depois da chegada de “Marimar”, o serviço de streaming prometeu colocar também “Maria do Bairro” em seu catálogo. É uma oportunidade para os fãs da atriz e cantora reverem seus trabalhos. Ela não faz novelas há mais de 20 anos.

Em entrevista ao POPline por videochamada, que você assiste logo abaixo, Thalía conta que sente saudade de atuar, mas tem questões sobre o ritmo de produção de uma novela. Ela gosta de assumir as rédeas de sua vida e de seu tempo. Quando se faz novelas, os atores ficam 100% a disposição. Disso, ela não sente falta. Confira tudo isso e muito mais!

POPline – As pessoas aqui no Brasil estão celebrando a chegada de suas novelas à Globoplay. O que você acha das pessoas ainda adorarem essas histórias tantos anos depois?

THALÍA – Eu adoro! Me emociona! Me alegra muito saber que o que foi feito com tanto carinho e amor para as pessoas continua preenchendo corações e alegrando diferentes gerações. Essas novelas foram e são muito importantes para mim. São a plataforma que me lançou globalmente para conhecer tantos países, tantas pessoas, tantas culturais, conquistar fãs e me unir com pessoas de todo o planeta.

POPline – Você gosta de ver esses trabalhos antigos?

THALÍA – Adoro! Adoro, porque vejo uma Thalía garotinha, jovenzinha, dando o melhor de si, de seu coração, querendo levar um raio de luz e de alegria às pessoas. Vendo as novelas agora, “Marimar”, que estão redescobrindo… eu adoro os memes, adoro ver todas as coisas divertidas que editam nas redes sociais, no TikTok… Adoro, porque estou com força lá.

POPline – Não sente saudade de atuar?

THALÍA – Sim, sinto! Eu adoro, adoro atuar. Gostaria de voltar com um personagem que me emocione demais. Um personagem que me faça dizer “uau, esse sim. Vou parar tudo, vou parar a música, porque quero fazer isso”. Ainda não me chegou esse personagem e…

POPline – Mas são 20 anos, Thalía! Não apareceu ainda?

THALÍA – Eu sei! Mas eu quero algo diferente! E eu gosto, porque agora tem muitas séries e muitas plataformas digitais onde também estão criando diferentes conteúdos de uma forma diferente para o público. Como bioséries, séries de duas ou três temporadas… Eu adoro essas coisas! Acho que, em algum momento, aterrissarei em algo e voltarei. Eu adoro a atuação.

Entrevista: "Quando você agarra o controle de sua vida, é mais difícil soltá-lo", diz Thalía
Thalia em “Marimar” (Foto: Divulgação)

Leia mais:

POPline – Eu já vi você falar uma vez que o problema das novelas é que se trabalha muito. Para você, seria melhor uma série, não? Algo menor.

THALÍA – Claro, mas te digo a verdade. Não é que se trabalhe muito, porque eu trabalho muito. Sou uma mulher que sempre estou trabalhando. Quanto mais trabalho, maior o desafio, mais eu gosto. Não é sobre isso. É mais sobre dar seu tempo, sua vida, para que outra pessoa o organize. ‘Tem que chegar às 8h da manhã, vai gravar 20 cenas, vai ficar embaixo de chuva por três horas…’. Essa parte de organizarem sua vida é o que me faz dizer NÃO! Deixe eu organizar minha vida!

POPline – Eu imaginei que isso era um ponto para você e pensei: você é empresária e tudo o mais, já se imaginou produzindo uma série ou uma novela?

THALÍA – Sim, eu adoro a produção. Eu tenho produzido algumas coisas para HBO, para diferentes canais, lugares e portais. Gosto muito de estar atrás das câmeras, controlar, organizar, dirigir, editar… Gosto da pós-produção. Gosto de tudo isso, na verdade. Gosto de dirigir meus clipes, produzir minhas músicas, gosto de produzir meus discos. Estou sempre com as mãos cheias com meus projetos. O que acontece é que, por muitos anos, fui a que me produziam, me diziam o que fazer – nas primeiras novelas e nos primeiros discos. Quando você diz “não, espera aí” e agarra o controle de sua vida, é mais difícil soltá-lo. Você não gosta de dar o controle para que alguém organize tua agenda. É um pouquinho por aí.

POPline – Você começou a carreira na infância, e hoje é mãe. Deixaria que eles começassem a carreira na infância também?

THALÍA – Bem, meus filhos absolutamente não se interessam pelo mundo da mãe. Eles não se importam, não se interessam por atuar, cantar, nada disso. Mas eles são muito artísticos. Gostam de desenhar, gostam de animações. Eles são mais de escrever sua animação e fazer sua animação, fazer uma história. Jogos digitais… São mais artistas para esse lado.

POPline – Então você acredita que eles vão trabalhar com arte de alguma maneira?

THALÍA – Sim! Eles adoram arte, dessa perspectiva. Não de ser os protagonistas. Mas de serem quem constrói um mundo mágico.

Entrevista: "Quando você agarra o controle de sua vida, é mais difícil soltá-lo", diz Thalía
(Foto: Divulgação)

POPline – Você parou com as novelas há muito tempo, mas as pessoas são curiosas. Queria saber se você ainda tem contato com alguns atores com quem trabalhou. Se fala pelo WhatsApp…

THALÍA – Claro! Ontem mesmo, estava conversando com Chantal Andere. Estávamos falando por mensagem. Falo muito também com Itatí (Cantoral). Estamos sempre em contato. Com Capete, Capetillo! Sempre temos essa comunicação. Carmen Salinas… É muito bonito que, através dos anos, fiquem laços de amizade que surgiram nessas novelas. Essas novelas tiveram muitos momentos lindos de diversão, de risada, de alegria, de pressão para criar perfeição, para criar algo lindo para as pessoas. Quando passa um tempo e a gente se reencontra e conversa, sempre saem histórias: “lembra de quando fizemos isso? Lembra de quando aconteceu aquilo?”. Essas coisas sempre ficam.

POPline – Vamos falar um pouco de Brasil, porque as pessoas sentem muita saudade. Queremos te ver aqui.

THALÍA – Ai, meu amor!

POPline – Pediram que perguntasse você tem planos de vir, depois da pandemia, óbvio.

THALÍA – Ai, meu Amor! Você não sabe o quanto eu amo o Brasil. É uma história de amor de tantos anos que eu tenho com o Brasil. Vocês abriram seu coração para mim em muitas épocas, em muitos momentos da minha carreira e da minha vida. Tenho grandes fãs que conheci nas primeiras viagens ao Brasil e, de alguma maneira, se tornaram pessoas muito próximas para mim, graças às redes sociais. Eu sempre digo que tenho minha família, mas também tenho uma segunda família, que são meus fãs. Tenho uma relação muito estreita e muito belo com vários fãs brasileiros. Inclusive, por eles, eu conheço novos cantores, novos artistas, novos produtores, tudo. Eles me mantém a par de tudo que acontece no Brasil. Eu adoro isso. Quero voltar logo, quero estar com vocês, e me divertir como sempre me diverti aí. Quero comer minha feijoada, quero me divertir.

Entrevista: "Quando você agarra o controle de sua vida, é mais difícil soltá-lo", diz Thalía
(Foto: Divulgação)

POPline – Você falou dos artistas. Para seu álbum novo, você trabalhou com o produtor Rafinha RSQ. Você também já trabalhou com Daniel e Pabllo Vittar. Tem outro artista ou produtor brasileiro com quem você gostaria de trabalhar?

THALÍA – É que são muitos. Vocês têm uma lista muito extensa de talentos. E tem também a nova geração de cantores e produtores, que vêm com sons e ideias novas, lírica diferente, frases diferentes, interpretações novas. Isso me estimula, me excita, me emociona. Eu estou feliz sempre que se pode criar música que inspire alguém. É isso que me deixaria apaixonada em uma colaboração futura com alguém do Brasil. Alguém que queira semear uma música de amor, de paz, de luz, de fé, de alegria, de felicidade.

POPline – Os fãs pediram também para perguntar sobre outra música que você gravou com a Lali, da Argentina, mas que não saiu. O que aconteceu com essa música? Onde está? Quando escutaremos?

THALÍA – É uma música que gravei com a Lali. Nós temos uma ótima amizade. Eu a amo. Ela me mandou uma música e me pediu “cante, põe voz, por favor”. Eu cantei, mandei a voz, e não sei o que aconteceu. Não soube mais nada dessa música. Em algum momento, veremos o que pode acontecer com essa música. É muito boa.

POPline – Então nem a Thalía sabe.

THALÍA – Não. É das coisas da Lali.

Escrito por Leonardo Torres

Antecipação do Red da Taylor Swift aumenta indício de álbum da Adele

Antecipação do Red da Taylor Swift aumenta indício de álbum da Adele

Remake de “A Usurpadora” estreia em outubro no SBT