Roberta Miranda defende Anitta: "Uma mulher de sucesso incomoda os homens"
Foto: Vanessa Carvalho/AgNews / Matt Winkelmeyer/Getty Images
in ,

Roberta Miranda defende Anitta: “Uma mulher de sucesso incomoda os homens”

Apesar de ser do sertanejo, a cantora está do lado das mulheres.

Roberta Miranda é da turma dos sertanejos, mas ela não está do lado deles na “treta” envolvendo Anitta, Zé Neto e a ‘CPI do sertanejo‘. Segundo a cantora, ela está sempre do lado das mulheres e ainda disse que os outros artistas têm inveja do sucesso da cantora de “Envolver“.

Roberta Miranda soltou o verbo:

“Vou estar sempre de mãos dadas com ela. Por que criticar a Anitta? O corpo é dela, a vida é dela, ela faz tatuagem onde ela quiser”, soltou Roberta Miranda.

Roberta Miranda defende Anitta: "Uma mulher de sucesso incomoda os homens"
Foto: Amy Sussman/Getty Images / Globo /Maurício Fidalgo

Leia Mais:

Para quem não sabe, Zé Neto, dupla de Cristiano, criticou a Lei Rouanet e alfinetou Anitta, falando de sua tatuagem íntima. Isso acabou virando motivo para que viesse à tona cachês milionários pagos pelas prefeituras para sertanejos.

Roberta continua: “A Anitta é muito gentil comigo. É uma pessoa que eu gosto e ponto final“, observa ela ao Splash.

“A inveja é que hoje ela é uma excelente marqueteira. Alguns machistas de merda querem que ela seja enterrada num buraco, mas ela sempre se recupera. Uma mulher de sucesso incomoda os homens, eles ficam acuados.”

Com quase 40 anos de carreira, Roberta Miranda é considerada a “Rainha do Sertanejo”. No entanto, ela confessa que já sofreu muito preconceito no próprio meio por ser mulher. Hoje, assim, ela defende o lado delas o quanto pode.

Efeito tororó da Anitta: Zé Neto é protagonista da ‘CPI do sertanejo’; entenda!

O efeito do ataque de Zé Neto, dupla de Cristiano, contra Anitta segue ladeira abaixo. Isso porque, após criticar a Lei Rouanet e alfinetar a cantora, falando de sua tatuagem íntima, foi descoberto que a dupla recebia cachê milionário de prefeituras pequenas, sempre sem licitação. O fato, entretanto, não se limitou a eles.

Foto: Instagram @zenetoecristiano

Depois de Zé Neto & Cristiano, Gusttavo Lima teve um show cancelado em Conceição do Mato Dentro, em Minas Gerais, visto que receberia R$ 1,2 milhão da prefeitura local. Por isso, o Ministério Público tem investigado alguns estados, como Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima e Mato Grosso, a fim de descobrir irregularidades com a verba pública para esse tipo de entretenimento. As informações são da “Folha de S. Paulo“.

Só no Mato Grosso, onde ocorreu a polêmica da dupla, 24 prefeituras são investigadas na ação batizada de “CPI do Sertanejo”. Contudo, vale ressaltar que as contratações são legais, mas os cachês, principalmente de artistas sertanejos, são irregulares.

Nas redes sociais, o assunto tem dado o que falar. Para ilustrar a situação, a atriz Maria Bopp fez um vídeo que está viralizando. Assista a seguir:

Escrito por Caian Nunes

“About Damn Time”: Lizzo conquista a melhor posição da carreira no Reino Unido

Promoção Lady Gaga: Comemore os 2 anos do "Chromatica" concorrendo a prêmios

Promoção Lady Gaga: Comemore os 2 anos do “Chromatica” concorrendo a prêmios