Bang Bang
Foto: Getty Images
in ,

Jessie J relembra “Bang Bang”, hit com Ariana Grande e Nicki Minaj

“Desde ‘Moulin Rouge’ não houve realmente uma grande música feminina que tenha realmente um impacto assim”, disse ela.

Jessie J deu uma entrevista à Glamour relembrando os bastidores de algumas de suas músicas mais memoráveis. Ela não poderia deixar de falar de “Bang Bang“, parceria com Ariana Grande e Nicki Minaj que foi primeiro single do álbum “Sweet Talker“, em 2014. Também entrou para a tracklist do “My Everything“. A faixa fez um enorme sucesso, pegando o pico de #3 na Billboard Hot 100, a principal parada dos Estados Unidos.

Jessie J, Ariana Grande e Nicki Minaj
Foto: Divulgação

Jessie J falou: “‘Bang Bang’ era uma música que já existia. Eu não escrevi ‘Bang Bang’. Max Martin escreveu e Ariana tinha cantado, eu também toquei, e nós dois amamos. Nós apenas dissemos: ‘Por que nós duas não fazemos isso?’“.

A sugestão deu muito certo, já que está virou uma das colaborações mais celebradas do pop feminino! “Então Ariana ficou no segundo verso, eu gravei o primeiro verso, e então Nicki tocou no estúdio e disse, ‘Eu tenho que entrar nessa’. Não fomos até ela e perguntamos; ela queria fazer isso“, ressaltou.

Jamais esquecerei: estava no meu quarto do meu apartamento em Londres e recebi a versão com a Nicki nela. Eu apenas sentei no final da minha cama segurando meu telefone, olhando para o chão, pensando, ‘Como diabos eu consegui isso?’ Eu literalmente me senti como se tivesse vencido uma competição“, comemorou.

Jessie J reconhece a importância de Ariana Grande e Nicki Minaj para os sucesso

Mesmo a música tendo servido como carro chefe de seu álbum, Jessie J dá muitos créditos à parceria de Ariana Grande e Nicki Minaj.

Vamos ser honestos: por mais que músicas como essas apareçam para mim sempre, todos os dias, ‘Bang Bang’ nunca teria feito o que fez sem elas. A gratidão que tenho e, honestamente, a experiência do girl power. Desde ‘Moulin Rouge’ não houve realmente uma grande música feminina que tenha realmente um impacto assim“, refletiu.

Para as artistas, fica difícil repetir a colaboração. Para isso, elas teriam que fazer algo melhor e isso é uma tarefa bem difícil.

Eu e o Ari conversamos outro dia, e eu pensei, ‘Definitivamente deveríamos fazer algo juntas'”. E ela disse, ‘Se fizermos isso, tem que ser melhor do que ‘Bang Bang”. E eu disse, “Bem …” Ela disse, “Eu não sei”, e eu pensei, “Não sei.” Porque é apenas uma daquelas músicas que não dá pra superar“, soltou.

O encontro de divas

Como foi o bastidores com o encontro dessas três divas da música? Não foi no estúdio, mas sim na gravação do clipe.

Nós três nos encontramos pela primeira vez na gravação do vídeo, e a música já estava em primeiro lugar no dia em que estávamos gravando o vídeo. Nicki ficou lá apenas por uma hora e meia, e estávamos tão tontas, todas nós. Me lembro de todas nós no set e de tirar uma selfie. Lembro-me de dizer: ‘Eu literalmente me sinto uma fã’. Eu só me lembro de rir“, disse Jessie J.

Ela não poupa elogios às colegas. “Ariana é uma das pessoas mais engraçadas de todos os tempos. Nossas personalidades e humor são super parecidos. Nós também estávamos promovendo uma à outra! Foi um momento tão comemorativo. Todos nós estávamos apenas rindo e gostando de estar perto um do outro. Foi ótimo“, lembrou.

Jessie J também lembra da performance ao vivo: “Mesmo quando tocamos [no American Music Awards de 2014]. Ari queria fazer a coisa da cadeira. Eu queria ser mais livre. Eu não amo ser coreografada. É por isso que eu andei pelos corredores dos assentos e escolhi pessoas com quem eu queria dançar, como Taylor [Swift] e como Khloé Kardashian. Todos nós colocamos nossas pequenas personalidades lá. Eu amo trabalhar com as duas. Eles são tão incríveis e ambas se tornaram duas dos maiores artistas do mundo“, completou.

Escrito por Caian Nunes

K-Pop: JYP Entertainment posta fotos de seu novo grupo “JYPn”

K-Pop: Xiumin, do EXO, pega Covid-19 e suspende agenda

K-Pop: Xiumin, do EXO, pega Covid-19 e suspende agenda