2 bilhões
Foto: Reprodução / YouTube
in ,

Fifth Harmony se torna o único grupo com grande feito no YouTube

“Worth It” atingiu 2 bilhões de visualizações.

Mesmo três anos depois do fim dos trabalhos do Fifth Harmony, o grupo continua grandes feitos! Nesta terça-feira a conquista foi ter atingido 2 bilhões de visualizações no YouTube com a música “Worth It“.

Fifth Harmony
Foto: Reprodução / YouTube

A faixa faz parte do “Reflection“, primeiro álbum da carreira do grupo. Foi o último single trabalhado, mas ironicamente foi o de maior sucesso. Tem certificado de 3 vez platina nos Estados Unidos e 2 vezes no Reino Unido.

No clipe de “Worth It“, as meninas aparecem dançando muito e sensualizando com executivos. Na época, o grupo ainda tinha Camila Cabello com Ally Brooke, Normani Kordei, Lauren Jauregui e Dinah Jane. Veja:

Agora, o Fifth Harmony é o único grupo feminino a ter dois clipes com mais de 2 bilhões de visualizações. O outro é “Work From Home“, que já soma quase 2,5 bilhões.

Leia Mais:

Ally Brooke sobre Fifth Harmony: “deveria ter me divertido mais”

Ally Brooke estreou nesta quarta-feira, 12 de maio, o seu programa online, o “The Ally Brooke Show”. Ela usou todo o seu tempo para relembrar a experiência como integrante do grupo Fifth Harmony. O grupo de meninas durou entre 2012 e 2018, emplacando hits como “Worth It“, “Work from Home” e “All in My Head (Flex)“, mas nos bastidores não era muito tranquilo. Foi o que Ally fez questão de ressaltar.

Eu odeio dizer isso mas meu tempo em Fifth Harmony foi difícil porque havia tanta coisa acontecendo. Tanto nos bastidores, tanta toxicidade, tanto abuso, tanto abuso de poder, tanto abuso mental, abuso verbal“, desabafou ela. “E é simplesmente horrível e para mim, é uma pena porque éramos tão grandes. Eu deveria ter me divertido mais“, soltou.

Foram momentos difíceis

Ally Brooke reclamou da equipe da gravadora, que fazia com que elas e suas colegas se sentissem “inferiores” e “desconfortáveis”. Em certa ocasião, o grupo estava em um momento ruim e ela foi pedir conselhos a um homem da equipe: “Eu apareço para me encontrar com ele e ele me dá uma maldita calcinha. Eu sei o que ele estava tentando fazer. Fiquei humilhada“, disse ela. “Eu estava lá super vulnerável [pedindo ajuda]… Na hora, esse comportamento foi aceito”.

grupo polêmico
Foto: Reprodução / Internet

Apesar dos problemas, Ally Brooke sente que foi uma mãe para o grupo, tentando que elas se mantivessem juntas. “Eu era como mãe. Tentei nos manter juntas como uma unidade. Foi muito, muito difícil. Foi uma experiência difícil“, explicou ela, acrescentando que muitas vezes não gosta de olhar para trás, já que costumava se sentir sem esperança.

Há um equilíbrio estranho entre ser grata e estar bem com o fato de que as coisas não estavam bem para mim”, disse ela. “Foi traumatizante.”

No final das contas, cada integrante tomou seu rumo e hoje seguem carreira solo.

Assista ao “The Ally Brooke Show”:

Escrito por Caian Nunes

Rebeca Andrade solta a voz e dança funk no “Encontro”

Lamar Morris, do Now United, divulga tracklist de EP solo

Lamar Morris, do Now United, divulga tracklist de EP solo