Connect with us

Doja Cat

Doja Cat é assunto principal do Twitter após acusações racistas

Published

on

Ela é um dos maiores nomes de 2020 e conquistou o número um na principal parada da Billboard ao lado de Nicki Minaj, mas o nome de Doja Cat está nos Trending Topics não pela sua música. Doja é o assunto principal do Twitter na noite deste sábado (23) após acusações racistas.

Doja Cat posa de tesouras na mão e cabelo rosa

Foto: Divulgação

Entendendo a #DojaIsOverParty

Fãs estão tentando entender o que aconteceu para “cancelarem” o fenômeno norte-americano neste sábado (23). Alguns internautas estão resumindo o assunto e é o papo é grave.

Vale lembrar que nada do que está circulando pela internet em relação a Doja Cat teve sua veracidade comprovada.

Então segue o fio: segundo alguns internautas, prints e vídeos capturados de computador mostrariam a presença de Doja Cat em grupos privados. O problema é o conteúdo das conversas. Nesses grupos a discussão é muitas vezes criminosa. Segundo os tweets, Doja seria participante recorrente de salas de bate-papo de debates racistas.

“Esses grupos que a Doja frequentava são de ”incels”, isto é, são pessoas que se reúnem em fóruns na internet pra disseminar ódio, toxidade e todas as coisas ruins que alguém pode falar, segue aqui um print com a explicação”, explica uma fã. Confira abaixo:

Esta não é a primeira polêmica de Doja Cat

Infelizmente esta não é a primeira vez que o nome de Doja Cat é envolvido em polêmica. “Say So”, o grande hit da carreira de Doja Cat, tem produção assinada por um pseudônimo de Dr. Luke. Sobre o assunto Doja já falou publicamente que “vendeu sua alma” quando assinou o contrato com a Kemosabe Records, selo criado por Dr. Luke, e que ela tinha apenas 17 anos. O produtor está afastado do selo desde 2017 por causa do processo movido por Kesha – ele é acusado de abuso sexual e psicológico. O contrato de Doja foi assinado antes de todas as acusações virem à tona.

LEIA MAIS
Conheça mais sobre a cantora e rapper Doja Cat

Entre as polêmicas, o número um

“Say So” é um sucesso crescente. Desde o final do ano passado, a música foi ganhando força na rádio e via streaming até chegar ao número um nos Estados Unidos no início do mês de maio. O topo veio após um remix com Nicki Minaj – este foi o primeiro #1 para ambas as artistas. “Say So” conquistou o primeiro lugar em vendas, com um aumento de 966%, chegando a 66 mil downloads, de acordo com a Nielsen Music/MRC Data, na semana do título.

HojeTemLive.com.br




Ranking