FOTO: MADDIE CORDOBA/WWD
in ,

Selena Gomez: “Não estou ciente do que está acontecendo na cultura pop”

Para ela, estar mais distante da mídia foi uma salvação.

Selena Gomez não está ligada com o que acontece na cultura pop em geral. Aliás, isso está sendo fundamental para que ela mantenha sua saúde mental em dia. Isso foi uma mudança de comportamento adquirida com o passar dos anos, já que ela própria faz parte dessa cultura – no entanto, mudou o jeito que lida com isso. Com o distanciamento, ela se vê livre das opiniões alheias sobre ela.

Essa é uma grande e significativa parte da razão pela qual sinto que tenho sido tão saudável quanto nunca fui antes”, ela disse em entrevista à revista WWD. “Não estou completamente ciente do que realmente está acontecendo na cultura pop, e isso me deixa muito feliz. E talvez isso não deixe todo mundo feliz, mas para mim, realmente salvou minha vida”.

Leia Mais:

Selena Gomez, então, relembra de quando ela era uma das pessoas favoritas das fofocas de celebridades. “Para ser honesta, eu estava tipo, ‘Isso é informação demais’”, ela disse.

“Isso é muito da minha vida pessoal espalhada por toda parte, e parecia incontrolável. Eu sentia que meus pensamentos e tudo que eu estava consumindo giravam em torno de um milhão de outras pessoas diferentes no mundo dizendo coisas boas e coisas ruins”.

Selena Gomez: "Não estou ciente do que está acontecendo na cultura pop"
FOTO: MADDIE CORDOBA/WWD

Ela continua: “E eu apenas pensei: ‘Qual é o motivo? Eu não recebo nada por isso. Nada está me dando energia para viver’. E eu simplesmente explodi, e estava superando isso. Eu queria excluir tudo completamente, mas minha equipe foi inteligente o suficiente para me convencer a não fazer isso. Mas estou feliz por não ter feito isso, porque é uma maneira maravilhosa de ficar conectado e, quando continuo, fico feliz em saber que estou apenas sendo completamente honesta e verdadeira com quem sou.

Ela precisava mudar!

A mudança fundamental para a vida de Selena Gomez aconteceu quando recebeu um transplante de rim, em 2017. Isso fez com que ela realmente repensasse suas prioridades. Pela primeira vez, depois disso, ela foi honesta sobre seu diagnóstico de bipolaridade – foi como uma libertação.

“Eu sofri uma pressão imensa enquanto crescia e sentia que precisava ser um bom modelo”, disse Gomez.

E então eu senti que talvez isso não fosse realista, e minha vida se tornou pública muito rapidamente, e eu não sabia que estava passando por minha própria jornada com a saúde mental na época. Então, foi muito confuso crescer, e uma vez que as pessoas criaram essa narrativa da minha vida, percebi que não podia mais ficar quieta. Eu só tenho que resolver o que precisa ser resolvido, e isso sou eu recuperando minha história, que é, ‘OK, sim, eu definitivamente estava passando por um momento difícil, e é por isso, e é com isso que eu lido.’ ”, soltou.

A entrevista na íntegra foi publicada na revista WWD, na qual ela é capa.

Escrito por Caian Nunes

Em “A Fazenda 13”, Gui Araújo diz que não deseja agradar o público

David Bowie: ouça agora as novas versões de “Karma Man” e “Silly Boy Blue”