Foto: Reprodução Internet
in ,

Protesto: Artistas recusam indicações do Grammy em categoria só com brancos

Premiação acontece no dia 31 de janeiro e já coleciona polêmicas envolvendo acusações de racismo

Já podemos acrescentar mais uma polêmica para o Grammy 2021. Após receber inúmeras críticas pela falta de indicações de artistas como The Weeknd, a Academia se tornou alvo de mais controvérsias depois que três dos cinco indicados para o Melhor Álbum Infantil recusaram suas nomeações em forma de protesto pelo fato da categoria ter apenas artistas brancos.

Foto: Reprodução Internet

A informação é da NPR, que entrou com contato com o cantor Alastair Moock e as bandas Okee Dokee Brothers e Dog on Fleas. Os três artistas se uniram para mandar uma carta à Academia pedindo para que seus nome não fossem incluídos nas cédulas de votação que irão determinar o vencedor no dia 31 de janeiro.

“Depois do ano que tivemos, indicar apenas pessoas brancas parece bem errado. É claro que eu adoraria ganhar um Grammy, mas não desse jeito, em que o jogo não tem as mesmas regras para todo mundo”, disse Alastair Moock à matéria da NPR.

“Achamos que recusar a indicação seria o melhor que poderíamos fazer para apoiar as pessoas não brancas cujos álbuns frequentemente ficam de fora do Grammy. A música infantil não é só sobre caras brancos tocando guitarra e cantando para crianças. Queremos ser receptivos a todo tipo de música na nossa comunidade”, afirmou Joe Mailander, um dos Okee Dokee Brothers.

Todos os artistas, homens brancos com guitarras, escreveram que “não podiam, em boa consciência, beneficiar-se de um processo que historicamente tem negligenciado as mulheres e os artistas não brancos”.

Resposta da Academia

A retirada dos três candidatos foi revelada pela NPR, mas antes da decisão ser tomada Alastair Moock e as bandas Okee Dokee Brothers e Dog on Fleas tiveram uma reunião com o CEO da academia do Grammy, Harvey Mason Jr., e sua chefe de diversidade e inclusão, Valeisha Butterfield Jones.

“Somos uma instituição que está pronta para mudanças, mas os desafios que enfrentamos não são só nossos, ou só da nossa indústria. Eu acho que estamos em um tempo importante. Em 2020, vimos o reconhecimento dos problemas raciais. Depende de nós o que faremos com esse reconhecimento, e como tomaremos ações significativas para endereçá-lo”.

Quem continua concorrendo?

Com a saída dos três indicados, o prêmio de Melhor Álbum Infantil será disputado entre Justin Roberts, por “Wild Life”, e Joanie Leeds, pelo álbum “All the Ladies”. A artista, inclusive, falou sobre sua decisão de continuar concorrendo:

“Eu não recusei a indicação, porque o meu álbum é sobre empoderar jovens mulheres. Eu convidei 20 mulheres para tocar no meu disco. Para nós, seria meio contraditório se retirar da competição”.

LEIA MAIS: Muito além de The Weeknd: Veja artistas que tiveram coragem de confrontar o Grammy Awards

Assim que os indicados foram anunciados, o Grammy foi alvo de polêmicas que geraram uma grande revolta nas redes sociais, com direito a críticas duras e acusações de racismo direcionadas à Academia.

Um caso que chamou a atenção foi o de The Weeknd, que apesar de estar vivendo uma das fases mais bem-sucedidas de sua carreira com o álbum “After Hours”, não recebeu nenhuma indicação.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

Giulia Be e Luan Santana clima de romance

Giulia Be e Luan Santana estão prestes a atingir o #1 no Spotify de Portugal

Anitta Me Gusta na Billboard

“Me Gusta”: Anitta completa 15 semanas em parada da Billboard