in

Meninas do Little Mix desejam um tratamento melhor para integrantes de girlbands no futuro

Com o lançamento do seu novo álbum, o “LM5”, as meninas do grupo Little Mix partiram para um discurso mais maduro, empoderador e principalmente feminista e revelaram, em recente entrevista, que desejam que integrantes de girlbands no futuro tenham um melhor tratamento da indústria que elas mesmo tiveram.

Falando com a revista Glamour UK, as meninas falaram sobre o estigma que ainda existe ao redor de grupos femininos e esperam que isso mude para as gerações futuras.

“Eu espero que toda manchete não seja sobre o que elas estão usando”, afirmou Jade. “Eu também espero que elas não precisem lidar com a tanto sexismo na indústria. E esperançosamente, que elas não sejam vistas como ‘guilty pleasure’ (quando alguém gosta de algo mas tem vergonha de assumir) e que sejam vistas como artistas de credibilidade”, concluiu.

Recentemente, as meninas falaram sobre uma contecimento pessoal delas em relação ao sexismo do mercado musical e revelaram que foram orientadas a flertar com grandes nomes da indústria fonográfica dos Estados Unidos para ter as músicas do Little Mix tocando em rádios por lá.

Escrito por Kavad Medeiros

Chris Brown comenta em foto de Rihanna e fãs da cantora não reagem bem

“Shallow”: Música de Lady Gaga é agora a segunda faixa com mais tempo em 1º lugar no iTunes mundial em 2018