Melanie Martinez live
Foto: Divulgação
in ,

Melanie Martinez anuncia show em grande live global

Saiba todos os detalhes!

Há meses impedida de fazer shows presenciais por conta da pandemia do Covid-19, Melanie Martinez também vai entrar na onda das lives. Com o título “Can’t Wait Till I’m Out Of K-12“, a cantora vai fazer um grande show com transmissões em diferentes fusos horários. Começa a partir do dia 17 de dezembro, no ar às 22h, para a América do Sul.

Foto: Divulgação

Diferente do que foi popularizado no Brasil, a live é paga. Os ingressos já estão disponíveis em site oficial. Fãs poderão optar por pacotes mais básicos e outros especiais, incluindo produtos exclusivos.

Can’t Wait Till I’m Out Of K-12” terá distribuição pela plataforma de streaming Headliner. O objetivo vai ser dar vida ao álbum e filme “K-12“, lançados em setembro de 2019. A produção grandiosa e com temática escolar será toda refletida no palco, mesmo sem plateia, com interpretações ao vivo.

No começo do ano, ela estava com uma turnê confirmada, mas teve que cancelar. Essa live, no entanto, é uma experiência de show recém-concebida. Os fãs vão poder ter uma experiência única, de fato, um presente para os admiradores.

Novo EP: “After School”

O tão aguardado EP de Melaine Martinez saiu em setembro e com versão física exclusiva para o Brasil. A cantora, revelada pelo programa ‘The Voice’, lançou seu novo trabalho com canções inéditas. “After School” é uma continuação do último trabalho da nova-iorquina, o álbum ‘K-12’ e tem sete faixas.

E os fãs têm todos os motivos para comemorar: junto com as novas músicas Melanie também os presenteou com um vídeo de “The Backery”, dirigido pela própria cantora. Um retrato dos tempos de ensino médio, em que a cantora trabalhava em um padaria.

A canção ‘Brain & Heart’ é uma das preferidas da cantora e conta com um sample de ‘If You Had My Love’, hit de Jennifer Lopez.

Escrito por Caian Nunes

Alok pega Covid-19, adia live e faz apelo a patrocinadores

Alok pega Covid-19, adia live e faz apelo a patrocinadores

Ludmilla contra o racismo

Ludmilla defende ação para dar visibilidade a artistas pretos brasileiros