Foto: @marinasena Instagram
in ,

Marina Sena rebate comentários sobre sua voz: “vocês não vão me desencorajar”

Marina Sena é o momento, como dizem nas redes sociais. A cantora mineira furou a bolha do pop alternativo e atingiu o mainstream com o hit “Por Supuesto“, música que impulsionou o seu álbum de estreia, o divertido e autêntico “De Primeira“. Apesar do excelente momento, a artista já está sendo vítima de comentários maldosos na internet.

Leia mais: 

Depois de esgotar shows em São Paulo, ter seu rosto estampado em um telão em Nova Iorque e receber quatro indicações ao Prêmio Multishow, a cantora teve de usar suas redes sociais para rebater os haters de plantão. “Não adianta vocês zoarem minha voz, eu não tô nem aí, já passei dessa fase, vocês não vão me desencorajar de fazer meu trabalho, não adianta tentar“, escreveu a artista em sua conta no Twitter.

Lançada em agosto, “Por Supuesto” está no Top 10 das músicas mais reproduzidas semanalmente no Spotify Brasil. A música recebeu mais de 15,8 milhões de streams na plataforma.

Quem é Marina Sena?

Natural de Taiobeiras, em Minas Gerais, Marina Sena integrou os grupos indie Rosa Neon e A Outra Banda da Lua antes de lançar seu primeiro álbum solo. Seu som mescla pop, samba, axé e MPB, com algumas pitadas de reggae e dancehall.

“Eu quero muito que meu som ultrapasse a barreira da língua e atinja no mundo inteiro pessoas que vão se levar pelo ritmo, pela melodia, e que vão entender do que se trata a música só no sentir. Quero conquistar tudo que sei que consigo com minha energia. E quando eu sonho, eu não consigo sonhar de um jeito modesto”, afirma Marina.

Veja o clipe de “Voltei Pra Mim”:

Leia mais:

“De Primeira” é o álbum de estreia da cantora, com composições autorais e produção de Iuri Rio Branco. São dez faixas ao todo, acompanhadas também de dez vídeos.

O título foi escolhido seguindo três justificativas pessoais: “vai bombar de primeira”, “é um disco de primeira qualidade” e também por era uma expressão usada por sua avó. “‘De primeira, as coisas eram diferentes’, ela dizia. Meu som é atemporal e nostálgico, ele faz você voltar para um tempo que você nem sabe qual é, do mesmo modo que te dá uma sensação de aquilo que já existe”, explica a cantora.

Maria Sena celebra Top 10 da Apple Music dominado por mulheres (Foto: Divulgação)

Escrito por Douglas Françoza

“Eternos”: Harry Styles fala sobre sua estreia no MCU

Now United no Brasil: Any Gabrielly se emociona com fãs na porta de hotel