in

Manu Gavassi, IZA, Pitty, Pabllo Vittar, Anitta e mais artistas se posicionam contra o racismo e fascismo

Manu Gavassi, Pabllo Vittar, Anitta e IZA foram alguns dos artistas que se posicionaram (Foto: Divulgação)

Os assuntos políticos e sociais estão dominando as redes sociais das celebridades. Os recentes casos de racismo que resultaram na morte de pessoas negras e as manifestações pela volta da ditadura militar no Brasil tem feito vários artistas se posicionarem contra o fascismo e a favor da democracia. Manu Gavassi, IZA, Pitty, Anitta, Luisa Sonza, Rael, e Marcelo D2 foram alguns dos cantores que usaram suas redes sociais para levantar bandeiras e declarar suas posições.

Recém-saída do BBB, Manu Gavassi, pelo visto, já está bastante inteirada do contexto social em que o país se encontra. A cantora de “Áudio de Desculpas” usou seu Twitter, nesta segunda-feira, para se declarar “artista antifascista”. Manu publicou uma imagem com um símbolo do movimento, que começou a ganhar força nas ruas e nas redes sociais na noite de domingo (31).

A mesma foto foi compartilhada ainda por Duda Beat e Vitão.

LEIA MAIS

>>> Beyoncé homenageia George Floyd, homem que foi morto por policiais nos Estados Unidos; veja!

>>> Caso George Floyd: Halsey, Yungblud e outros artistas participam de protestos nos Estados Unidos

>>> Durante protesto, Halsey é atingida por bala de borracha

Os artistas começaram a se posicionar em favor do movimento antifascista depois que manifestações a favor da volta da ditadura militar, regime que reprime as liberdades, foram registradas no país.

Além disso, também ocorreram ameaças a políticos e outras autoridades. Protestos em favor da democracia também foram reprimidos com força policial, causando indignação entre as celebridades.

Em uma publicação também no Twitter, a cantora Pitty fez questão de deixar clara sua posição. “Antifa, ontem, hoje, sempre”, disse.

Pabllo Vittar também publicou uma série de imagens se posicionando contra o fascismo, com a legenda: “não se cale”.

Quem também se mostrou engajada na causa foi Lia Clark, que publicou imagens do movimento em sua página.

Rael, Tati Quebra Barraco, Anitta e Marcelo D2 e outros artistas também publicaram mensagens se posicionando politicamente.

Vidas Negras Importam

Outro movimento que ganhou força nas redes sociais foi o de combate ao racismo, “Vidas Negras Importam”. Este fim de semana, por exemplo, foi marcado por protestos nos Estados Unidos e na Europa por causa da morte de George Floyd, homem negro que foi asfixiado por um policial branco em Minneapolis.

Aqui no Brasil, casos recentes de assassinatos de pessoas negras, como o jovem João Pedro, inflamaram o movimento, que também vem ganhando força nas redes sociais e apoio da classe artística.

IZA foi uma das cantoras que se posicionou sobre a causa em suas redes sociais. O mesmo fez Carol Conka, Any Gabrielly, Alok, Luisa Sonza e outros artistas.

Veja as publicações dos artistas!

Manu Gavassi

Marcelo D2

Pabllo Vittar

Tati Quebra Barraco

Lia Clark

Duda Beat

Pitty

Alok

Luísa Sonza

Any Gabrielly

IZA

Anitta

 

Ver essa foto no Instagram

 

🤝

Uma publicação compartilhada por Anitta 🎤 (@anitta) em

Escrito por Victor Arris

Live de “Caneta Azul” tem 1,6 milhões de visualizações e está em #2 dos vídeos em alta

Caso George Floyd: Harry Styles e Katy Perry pagam fiança de manifestantes presos nos EUA