banner com link para rádio globo
(Foto: Instagram/@mairacardi)
in ,

Maíra Cardi explica “estupro alimentar” e rebate críticas; web comenta

No vídeo, a empresária fala sobre pessoas que “querem te empurrar aquilo que você diz não” e diz que o vídeo original foi cortado

Maíra Cardi foi alvo de críticas na internet por conta de um vídeo que a empresária publicou em suas redes sociais. Na gravação, ela utiliza o termo “estupro alimentar” para se referir à pessoas que “obrigam” outras a comerem aquilo que não querem. Entre os comentários, famosos e internautas deram sua opinião sobre o assunto.

Após traições de Arthur, Maíra Cardi passou por cirurgia íntima

(Foto: Instagram/@mairacardi)

LEIA MAIS:

Depois dos comentários e da polêmica criada em cima do vídeo, a empresária utilizou seu Instagram para se defender, e disse que o material foi editado e tirado de contexto. “Existem várias pessoas que sofrem de abusos diferentes, emocionais, físicos, por não respeitarem da vontade dela…”, comentou.

Ela também falou sobre sua experiência dentro do ramo de emagrecimento. “E dentro do que eu trabalho, todo mundo já sabe, tenho várias empresas de emagrecimento, já emagreci os maiores artistas do Brasil e mais de 500 mil pessoas, a gente recebe muitas pessoas que sofrem, não só de transtorno alimento, mas de abuso de parentes“, afirmou.

“Quando as pessoas decidem fazer uma dieta, um programa alimentar, seja pra saúde ou pra estética, elas estão no limites delas […]. Por que a pessoa que te ama quer te fazer comer o que ela quer? Sendo que a amizade, amor de vocês, não vai mudar?”, questionou.

No vídeo resposta, Maíra Cardi reforça a ideia de que isso é um abuso. “É isso que as mulheres fazem, comem para agradar e depois chegam em casa e choram por ferir o compromisso dela com ela mesma. E aí eu chamo isso de estupro alimentar”, pontuou.

“É uma pessoa que te ama, que tá ali empurrando, através de um prazer, só que para quem? Já que eu falei que não quero participar daquela troca, se eu não quero disfrutar desse prazer?“, apontou.

No fim, ela mostrou alguns dos certificados que tem em uma parede, e respondeu às criticas. “Eu comecei a minha empresa com R$ 800 e eu faço por mês, milhões. Se eu faço milhões, se eu estudo para caramba, se eu cheguei onde eu cheguei, burra eu não sou. Eu sei muito bem o que eu estou fazendo, completou.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Maíra Cardi (@mairacardi)

Internet critica abordagem de Maíra Cardi

(Foto: TikTok/@mayracardi)

Pelas redes sociais, o público fez duras críticas ao vídeo de Maíra Cardi. Alguns famosos, inclusive, também se posicionaram e demonstraram seu descontentamento com o termo utilizado pela empresária, além da abordagem agressiva do vídeo.

Essa não foi a primeira vez que a coach foi criticada. Daniel Cady, marido de Ivete Sangalo, se manifestou nas redes sociais no fim de janeiro após repercussão de outros comentários feitos por  Maíra Cardi. Ele fez um post tirando sarro, mas também criticou as atitudes, acusando-a também de “terrorismo nutricional“.

LEIA MAIS:

Confira algumas reações:

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Kaique Corrêa

Olivia Rodrigo fala sobre feat com Taylor Swift e preparação pra turnê

Doja Cat apresenta “Alone” no palco do Billboard Women in Music 2022