in ,

Saiba quanto Lumena já faturou em plataforma de conteúdo adulto

A ex-BBB começou a fazer vídeos e fotos +18 e tem sido um sucesso

Saiba quanto Lumena já faturou em plataforma de conteúdo adulto
Foto: Instagram/ @lumena.aleluia

Logo após reclamar que estava perdendo trabalhos, Lumena estreou no mercado de conteúdos eróticos. Enquanto alguns criticam a iniciativa da ex-BBB, ela está fazendo sucesso na plataforma. Quer ver só? Em menos de uma semana, a DJ fez 11 posts e seu faturamento alcançou seis dígitos! Além disso, ela já até recebeu convite para se juntar a outro influenciador

Lumena rebate críticas

Após anunciar o conteúdo adulto, a DJ recebeu uma enxurrada de críticas nas redes sociais. Ela desabafou sobre o caso: “Em um dia de TRABALHO numa plataforma para conteúdo adulto, eu já recebi mais ataque do que quando eu estava no BBB… e eu só tenho uma coisa a dizer: FODA-SE!!!!!! Eu sou uma mulher livre e desimpedida“, escreveu no Twitter.

No meio disso tudo, Dynho Alves, que também vende material sensual, a apoiou e ainda fez um convite: “Vamos fazer conteúdo juntos?”.

LEIA MAIS:

Perdeu trabalhos

Vale lembrar que pouco antes de anunciar que faria conteúdo +18, ela compartilhou que estava passando por um momento difícil. Primeiramente, a ex-BBB contou aos seguidores que recebeu em casa um saco de fezes. Logo depois, ela disse que o episódio a fez perder alguns trabalhos.

Nesse processo todo, eu perdi trabalho, atrasei algumas entregas. Preciso continuar trabalhando, porque a internet e as redes sociais são as principais ferramentas da minha manutenção financeira, então não posso sumir daqui”, destacou.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Natasha Werneck

9 músicas que provam que a cena urbana brasileira está abraçando os anos 1990

Foto panorâmica da Esplanada dos Ministérios em Brasília, a primeira cidade do Brasil a receber a tecnologia 5G

Brasília é a primeira cidade a receber a tecnologia 5G no Brasil