Foto: Divulgação/Live Nation
in

Live Nation adquire participação na Veeps, plataforma de lives com ingressos

Criadores da Veeps são músicos da banda Good Charlotte e garantem que o diferencial da empresa é “a mentalidade centrada no artista”

A Live Nation, empresa líder mundial em entretenimento ao vivo, anunciou hoje (19) que adquiriu uma participação majoritária na Veeps, uma plataforma de transmissão ao vivo com ingressos feita sob medida para artistas.

Criada por Joel e Benji Madden da banda Good Charlotte, “a mentalidade centrada no artista da empresa a diferencia das demais no espaço, especialmente em termos de execução e monetização”, aponta o comunicado da Live Nation. A plataforma foi projetada para transmissões ao vivo com ingressos e facilita o envolvimento aprimorado entre artistas e fãs com recursos como chat e compras de mercadorias exclusivas, ao mesmo tempo que oferece suporte a amplo marketing social e ofertas VIP.

O Veeps cobra uma taxa de serviço de 15% em cima do valor do ingresso vendido para usar a plataforma. Fundada em 2017, a empresa continuou a evoluir seus serviços com base nas necessidades e solicitações exclusivas dos artistas.

De acordo com o comunicado, a Veeps ajudou artistas a ganhar milhões de dólares em receita, atraindo talentos incríveis de artistas emergentes para artistas consagrados, incluindo Brandi Carlile, Liam Payne, Pete Yorn, Louis Tomlinson, Architects, Rufus Wainwright e muitos mais. A plataforma hospedou cerca de 1.000 programas de transmissão ao vivo com ingressos apenas em 2020, entregando algumas de suas vendas e receitas mensais de ingressos mais altas na segunda metade do ano.

“Estamos impressionados com o que Benji e Joel criaram com a Veeps e sua plataforma criará novas maneiras de desfrutar de milhares de shows da Live Nation”, disse Michael Rapino, presidente e CEO da Live Nation Entertainment.

“A transmissão ao vivo é um ótimo complemento para o nosso negócio principal e, essencialmente, dá a qualquer show uma capacidade ilimitada. Olhando para o futuro, as transmissões ao vivo continuarão a desbloquear o acesso para os fãs – estejam eles assistindo a um show esgotado em sua cidade natal ou assistindo seu artista favorito tocar em uma cidade do outro lado do mundo. O elemento mais crítico da transmissão ao vivo é o artista no palco, e com o inventário incomparável da Live Nation alimentando os Veeps, juntos ajudaremos os fãs a desfrutar de mais música ao vivo do que nunca”, afirma.

“Benji e eu trabalhamos extensivamente com a Live Nation nas últimas duas décadas e estamos muito felizes por nos juntarmos a uma empresa que apoia tanto artistas e negócios liderados por artistas. É um ajuste natural e uma evolução para o nosso negócio ”, disse Joel Madden, cofundador da Veeps.

“Esta parceria é uma demonstração de que as transmissões ao vivo premium com ingressos ganharam um lugar permanente na indústria de todos os artistas. No ano passado, as transmissões ao vivo do Veeps ajudaram artistas – tanto grandes nomes quanto novos artistas – a ganhar mais de $ 10 milhões de dólares para eles, suas famílias, suas equipes, causas escolhidas e estamos ansiosos para ajudar ainda mais artistas a se conectarem com os fãs este ano de maneiras que apoiam sua arte e seu desenvolvimento”, destaca.

“Sempre acreditamos que a abordagem da arte em primeiro lugar para shows ao vivo ajuda os artistas a criar o tipo de performance de que podem se orgulhar e uma experiência que os fãs amam. Isso significa aplicar tanta criatividade e consideração quanto você faria com qualquer show em pessoa ”, disse Benji Madden, cofundador da Veeps.

“Nós veremos essa plataforma ficar mais inovadora à medida que os shows retornarem e nós entrarmos nos shows de outras maneiras. Estamos extremamente gratos por nossa equipe, que continua a trabalhar sem parar e esperamos coisas incríveis pela frente junto com o Live Nation”, diz.

À medida que os shows pessoais retornam em 2021, a Veeps continuará oferecendo suas experiências principais, ao mesmo tempo em que aproveita a rede da Live Nation para conectar os fãs com: conteúdo exclusivo, novos pontos de vantagem, shows e acesso a eventos em todo o mundo. Benji e Joel Madden, ao lado dos cofundadores Sherry Saeedi e Kyle Heller, permanecerão no comando da Veeps, com sua equipe completa permanecendo para continuar com todas as operações do negócio.

 

Lives Pagas no Brasil

As lives de música se tornaram uma realidade no mundo desde que a pandemia se instaurou. No Brasil, ela ganhou ainda mais força com as casas de shows fechadas e a indústria do entretenimento ávida por eventos. Dentro desse cenário, as possibilidades de monetização desses shows começaram a se formar.

Confira todos os detalhes sobre a movimentação no mercado brasileiro, clicando aqui.

Escrito por Láisa Naiane

Duda Beat e Nando Reis estão juntos em novo EP

BBB 21: João Luiz ataca de crítico musical no Twitter e movimenta a web