in ,

impulsionado pelo hit “Me Desculpa Jay Z”, Baco Exu do Blues tem o álbum do ano pela Rolling Stone BR

A revista Rolling Stone Brasil divulgou sua lista dos melhores álbuns nacionais lançados em 2018. O destaque ficou para “Bluesman”, de Baco Exu do Blues. Nos últimos meses o rapper foi destaque na mídia com a música “Me Desculpa Jay Z”. O artista até afirma que recebeu uma mensagem de Beyoncé.

“Ele conseguiu de novo. E, talvez, você não acreditava que fosse possível. Mas o desafio é combustível para Baco Exu do Blues. Esú, que sacudiu o ano passado, trazia questões hereditárias, fazia a ponte entre o hip-hop soteropolitano e suas raízes africanas. Exu do Blues se aprofunda nessa temática ao fazer o que ninguém esperava dele, um disco de blues sem necessariamente trazer o blues como gênero. É um disco que exalta as suas raízes, que desafia padrões estéticos e ainda mostra que sabe sofrer de amor dolorosamente, mas sem perder a elegância”, explicou a Rolling Stone.

Confira o top 50:

50º lugar: Ultrassom, Edgar
49º lugar: Lobos, Jão
48º lugar: Puber, Jonas Sá
47º lugar: Ninguém Vai Me Ouvir, Alaska
46º lugar: Alice, Alice Caymmi
45º lugar: Era Dois, Bemti
44º lugar: + AR, Almir Sater & Renato Teixeira
43º lugar: Sinfonia Primitiva Nª1, Marcelo Camelo
42º lugar: Voo Longe, Illy
41º lugar: Dona de Mim, IZA
40º lugar: O Disco das Horas, Romulo Fróes
39º lugar: Crise, Rashid
38º lugar: Consertos em Geral, Manoel Magalhães
37º lugar: O Tempo É Agora, Anavitória
36º lugar: Viagem ao Coração do Sol, Cordel do Fogo Encantado
35º lugar: Vesúvio, Djavan
34º lugar: Ambulante, Karol Conká
33º lugar: Miopia, Gui Amabis
32º lugar: Comunista Rico, Diomedes Chinaski
31º lugar: Todo Mundo Vai Mudar, Dingo Bells
30º lugar: Trança, Ava Rocha
29º lugar: Entrevista, Ronei Jorge
28º lugar: Precariado, Wado
27º lugar: Relax, Kassin
26º lugar: Lenine em Trânsito, Lenine
25º lugar: Ofertório (Ao Vivo), Caetano, Moreno, Zeca e Tom Veloso
24º lugar: Ansiedade na Cidade, Catavento
23º lugar: Thinking Out Loud, Moons
22º lugar: Brasileiro, Silva
21º lugar: Gigantes, BK
20º lugar: Casas, Rubel
19º lugar: Pentimento, Odradek
18º lugar: O Desmanche, Craca e Dani Nega
17º lugar: Omindá, André Abujamra
16º lugar: RSTUVXZ, Arnaldo Antunes
15º lugar: Fundação, E A Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante
14º lugar: Taurina, Anelis Assumpção
13º lugar: Libido, Autoramas
12º lugar: Cavala, Maria Beraldo
11º lugar: Outono no Sudeste, Mauricio Pereira
10º lugar: … Amor É Isso, Erasmo Carlos
9º lugar: Para Dias Ruins, Mahmundi
8º lugar: Sinto Muito, Duda Beat
7º lugar: Azul Moderno, Luiza Lian
6º lugar: O Menino Que Queria Ser Deus, Djonga
5º lugar: Não Para Não, Pabllo Vittar
4º lugar: OK OK OK, Gilberto Gil
3º lugar: Tônus, Carne Doce
2º lugar: Deus É Mulher, Elza Soares
1º lugar: Bluesman, Baco Exu do Blues

Escrito por Caian Nunes

Investindo na carreira internacional, Felipe Araújo lança reggaeton “Viral Pisadinha” ao lado do panamenho Joey Montana

Bruno Martini lança EP de remixes para “Youngr”