Foto: Divulgação/IBM
in ,

IBM e Recording Academy anunciam uma nova experiência para fãs no 63º GRAMMY Awards

A IBM, parceira oficial de Cloud e inteligência artificial da Recording Academy, anunciou nesta terça-feira (02) o lançamento do GRAMMY® Debates with Watson, uma nova experiência digital para os fãs, com as capacidades de processamento de linguagem natural (natural language processing – NPL) de IBM Watson e tecnologias de nuvem, que fará parte do 63º GRAMMY Awards, que será realizado no dia 14 de março.

Além dessa nova experiência para os fãs, a Recording Academy anunciou a transição da sua plataforma online, GRAMMY Backstage, para um ambiente digital que roda em IBM Cloud e que irá hospedar o pré-show, a cerimônia GRAMMY Awards Premiere Ceremony e conteúdos adicionais do show.

“O lançamento do GRAMMY Debates with Watson dá aos espectadores do GRAMMY um caminho totalmente novo para engajar com outros amantes de música e fazer parte da conversa. É ótimo continuar inovando com a IBM as nossas experiências digitais e de fãs para explorar como a IA e a tecnologia de nuvem podem ser aplicadas para tornar nossos shows de premiação mais interativos para os espectadores”, revela Lisa Farris, Chief Marketing & Innovation Officer da Recording Academy.

Com o intuito de desenhar uma tecnologia orientada às experiências dos fãs para engajar e atrair espectadores e fãs de música, a IBM a e Recording Academy fizeram vários workshops de design thinking e desenvolveram uma experiência interativa que usa IBM Cloud e IBM Watson para aumentar a experiência de engajamento do show.

Foto: Divulgação/IBM

GRAMMY Debates with Watson

O GRAMMY Debates with Watson é uma experiência de semanas de debate de música com curadoria da IA, disponível para os fãs em todo o mundo. A experiência permite aos fãs de música contribuírem com seus pontos de vista individuais sobre algumas das conversas atuais mais importantes relacionadas à música.

Hospedado no GRAMMY.com, os fãs podem se engajar em debates relacionados ao artista mais inovador ou ao maior ícone de estilo do momento e adicionar seus argumentos prós e contras, em resumos de 8 a 36 palavras, por meio do portal online. Um exemplo de tópico do debate é “Educação musical deveria ser mandatória nas escolas”. As informações fornecidas e os dados dos debates serão processados por IBM Watson e levados a “conclusões”, que fazem análises das submissões em tempo real.

O GRAMMY Debates with Watson usa a inovação do time de IBM Research que desenvolveu o Project Debater – Key Point Analysis (análise de ponto-chave). O Key Point Analysis analisa as informações fornecidas pelos fãs nos tópicos inseridos no GRAMMY.com para identificar os pontos mais predominantes e principais das submissões.

Assim, a tecnologia de geração de linguagem natural é usada para criar narrativas coesas em cada tópico. Essa solução também analisará posts públicos das redes sociais, como o Twitter, para ajudar a formar os debates. Usar IBM Watson para analisar e sintetizar a linguagem natural ajuda a escalar as capacidades do time editorial da Recording Academy para que eles possam produzir mais experiências de engajamento usando insights e dados.

“Nosso trabalho com a Recording Academy é outro exemplo de como estamos aplicando as tecnologias de ponta da IBM para revolucionar a indústria do entretenimento e trazer aos clientes inovações e experiências convincentes para suas principais audiências”, disse Noah Syken, Vice-Presidente de Parceiras de Esporte e Entretenimento da IBM.

E tem mais…

Além do GRAMMY Debates with Watson, a IBM anunciou que o dia do show do 63º GRAMMY Awards no GRAMMY.com será hospedado pela primeira vez inteiramente no IBM Cloud.

A IBM irá potencializar o GRAMMY Backstage, como a experiência digital é conhecida, usando abordagens de nuvem híbrida em Red Hat OpenShift, com cargas de trabalho rodando em múltiplas nuvens públicas e privadas, operando perfeitamente.

Eles também vão migrar o ambiente digital que hospeda o pré-show, a GRAMMY Awards Premiere Ceremony e os conteúdos adicionais do show (artigos, galeria de fotos, destaque de vídeos, etc) para a IBM Cloud.

Em resumo, o GRAMMY Backstage será perfeitamente integrado na página inicial do GRAMMY.com, e com a IBM Cloud será possível dimensionar com segurança a disponibilização do GRAMMY Backstage para mais de sete milhões de fãs ao redor do mundo, que devem sintonizar a cerimônia de premiação.

Escrito por Rafa Ventura

Sucesso da Netflix, “Cidade Invisível” terá 2ª temporada

BBB 21: Boninho está decepcionado com participante que não rende

BBB 21: Boninho está decepcionado com participante