in ,

“Fiz escova progressiva para o especial”, em clima de descontração Roberto Carlos assume que sempre alisou o cabelo e divide o palco com Alejandro Sanz, Marina Ruy Barbosa, Michel Teló e mais atrações no especial de fim de ano!

Roberto Carlos: cantor se destaca pelo bom humor na gravação do seu especial de fim de ano. Divulgação: TV Globo

Quando se fala em natal além de figuras típicas da época como papai noel, peru e árvore, no Brasil é quase impossível não associar o período de fim de ano ao especial de Roberto Carlos. E não é para menos! O programa do “Rei” já é um tradição na televisão desde 1974. Na 44° edição do programa o POPline pôde acompanhar as gravações e a grande marca do espetáculo que contou com aproximadamente 4 horas de filmagem foi a segurança e a descontração de um dos cantores brasileiros mais conhecidos no mundo.

Luz, câmera, ação!

Como se trata de um produto televisivo, Roberto Carlos não se importou e tampouco perdeu a afinação com as variadas repetições de músicas seja porque um convidado esqueceu a letra ou a câmera não enquadrou bem. Lá estava ele sempre sorridente e passando segurança para quem estava supernervoso, como aconteceu com Zizi Possi, muito perfeccionista, que só ficou satisfeita com a 3° tentativa de dueto da dupla com a participação de um coral.

O show

Intitulado de “Roberto Carlos: Muito Romântico”, esse especial surpreendeu pela diversidade de ritmos explorados pelo cantor e seus convidados – ele foi do rock ao romântico, passando pela MPB e pelo Pop. Além disso, o cenário descontraído e moderninho chamou atenção com painéis de led e cortina de contas que se iluminavam de acordo com as músicas. Abusando do seu tradicional romantismo, o rei protagonizou um dueto em espanhol da música “Esa Mujer” com Alejandro Sanz encenando uma conversa em que o amigo aconselha ao outro esquecer “aquela” mulher marcante, mas mesmo assim ele prefere ficar na sofrência. Emocionado, Alejandro se declarou para Roberto antes de cantar: “Quero dizer que estou realizando um sonho que tinha desde menino de cantar com você”, disse o espanhol que ainda interpretou a sua nova música “No Tengo Nada”.

Já Michel Teló se mostra um artista extremamente carismático ao vivo, que encanta a plateia com o seu jeito de gentleman rancheiro, claramente apaixonado pela mulher Thais Fersoza, que faz várias alusões à esposa durante o diálogo com RC e o próprio Roberto dispara: “Nunca vi um casal tão cheio de chamego”. Em cena os dois cantaram “Caminhoneiro”, do anfitrião e “Humilde Residência”, de Teló, onde o técnico do programa The Voice Brasil demonstrou todo o seu talento com a sanfona.

Roberto Carlos, o vaidoso

O momento mais engraçado do show, sem dúvidas, foi o dueto de RC com Zizi Possi. A cantora, como uma deusa das flores, surgiu com um look trabalhado de flores e uma saia azul piscina para cantar com Roberto “A Paz” e a canção em italiano “Non Ti Scordar Di Me”. Abusando de uma técnica vocal impecável, Zizi incorpora as notas aos seus movimentos corporais evidenciando uma fluidez musical admirável! Contudo, como grande perfeccionista, a cantora não gostou da primeira gravação da música, pediu para repetir, mas tanto ela como o rei esqueceram a letra na segunda tentativa. Em um papo descontraído enquanto os dois se concentravam para a derradeira e 3° vez, Roberto Carlos começou a elogiar o cabelo de Zizi Possi e a cantora pontuou que os seus fios eram muito lisos. Para a surpresa da plateia nos Estúdios Globo, do Rio de Janeiro, Roberto Carlos respondeu em um tom divertidíssimo:

“O meu é com progressiva. Fiz anteontem para o especial. Na Jovem Guarda a gente fazia touca de todo jeito. Nosso sonho naquela época era que existisse progressiva de hoje. Quando apareceu a progressiva, por que não foi na época da Jovem Guarda? Queria tanto ter o cabelo do Paul McCartney”, confessou o cantor que roubou o riso de todos e deixou Zizi tão mais calma, que enfim, a gravação saiu como ela quis.

Marina Ruy Barbosa, cantora?

Roberto cantou também clássicos como “Legal, imoral ou engorda” e “Romântico”. Ele dedicou “Menina” para Marina Ruy Barbosa, ainda na plateia. Foi a deixa para que a atriz subisse ao palco para soltar a voz com o Rei. A canção escolhida foi um sucesso de 1979, “Na paz do seu sorriso”, que revelou uma Marina esforçada para cantar, embora não tenha uma performance vocal impecável, mas ganhou o público pela apresentação segura e descolada ao lado do ídolo: “Estou tão emocionada. Queria que esse momento se congelasse. Certamente esse é um dos dias mais emocionantes e mais importantes da minha vida”, contou ela, comovida, antes de deixar o palco ao som de “Negro Gato”, um gancho sobre o gato Léon da novela “O Sétimo Guardião”, demonstrando que quaisquer controvérsias entre o rei e a personagem mística de Marina na novela estavam solucionadas!

Filho de peixe, peixinho é!

Um encontro familiar marcou o fim do espetáculo: Dudu Braga, filho de Roberto, subiu no palco com sua Banda “RC na Veia” e, com muito rock and roll, tocou músicas clássicas de seu pai, como “Quando”, “Lobo Mau”, “É proibido Fumar” e “Eu sou terrível”, sendo um dos melhores momentos do show, onde houve a troca da banda de Roberto Carlos para o “RC Na Veia”, o que demonstrou que as suas músicas ainda soam muito atuais com um som completamente repaginado! “Pra mim é uma honra cantar com a banda do meu filho. Na verdade, o Dudu é que é meu grande ídolo”, resumiu o pai, orgulhoso do filho cego, aclamado pela plateia por brilhar na bateria da banda. A apresentação terminou com uma sequência de “Não vou ficar”, “Todos estão surdos” e “Jesus Cristo”, que embalou a tradicional, e esperada, entrega das rosas.

O show, que será exibido dia 21 de dezembro na Globo, tem direção artística de LP Simonetti, direção geral de Mario Meirelles e direção musical de Guto Graça Mello e do maestro Eduardo Lages.

Escrito por Helena Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capa da Billboard, Ariana Grande critica sexismo: “amaria ver uma parada com tantas mulheres no topo quanto homens”

No Brasil, Anitta é a artista da música nacional mais comentada no Twitter