Foto: ErnnaCost
in ,

Coachella exibe mini documentário sobre carreira de Pabllo Vittar

Vídeo foi exibido antes do show da drag queen brasileira no segundo fim de semana do festival.

Pabllo Vittar fez história no Coachella e segue fazendo história. Como uma das artistas mais comentadas do primeiro fim de semana do festival, a carreira da drag queen brasileira foi o tema de um mini documentário exibido antes de seu show no segundo fim de semana do Coachella.

(Foto: Instagram @pabllovittar)

Leia mais:

Amparada com comentários do jornalista Dom Phillips, do jornal britânico The Guardian, Pabllo Vittar fala das dificuldades em seu uma pessoa LGBTQIA+ aqui no Brasil e usa de sua vivência e de sua carreira, como exemplos de superação dessas dificuldades, tão enraizadas pelo atual governo brasileiro, e se coloca como uma voz para um povo ainda tão marginalizado.

“É uma coisa que eu gosto muito de fazer e eu agradeço muito a Deus por poder exercer meu trabalho no país que mais mata LGBTQs no mundo”, afirmou Pabllo.

O mini documentário utilizou de cenas da drag queen no Carnaval de Salvador em 2020, quando ela puxou seu trio pelas ruas da capital baiana, e serviu para apresentar ainda mais Pabllo Vittar para o público internacional, em especial o que estava presente ao festival Coachella 2022.

Coachella 2020

Pabllo Vittar I Am Pabllo Tour
Foot: Instagram @fondatheatre

No vídeo, Pabllo Vittar ainda fala de sua reação quando foi anunciada como atração do Coachella 2020, festival que foi adiado por causa da pandemia de COVID-19. A drag queen afirmou ter ficado sem palavras e relembrou sua participação em 2019, quando tocou com a dupla Sofi Tukker e com o Major Lazer.

Pabllo ainda relembrou ter visto o show do BLACKPINK no Coachella 2019 e mandou um recadinho pras meninas do grupo sul-coreano: “Lisa, Jisoo, Jenny e Rosé, se vocês estão vendo isso, baby, eu amo vocês.”

Veja o vídeo completo:

Escrito por Kavad Medeiros

MV Bill lança livro inédito de crônicas “A Vida Me Ensinou A Caminhar”

Carnaval RJ: Em homenagem, trono de Elza Soares aparece vazio no desfile da Mocidade