banner com link para rádio globo
Foto: divulgação
in ,

Casa Gucci é eleito Filme do Ano por usuários de aplicativo de pegação

Longa-metragem inspirado em fatos reais é estrelado por Lady Gaga, Adam Driver, Jared Leto e grande elenco.

Estrelado por Lady Gaga, Adam Driver, Jared Leto e grande elenco, “Casa Gucci” foi um dos filmes mais comentados desse ano. Inspirado em fatos reais, o longa dirigido por Ridley Scott já está na corrida pelo Oscar e outros prêmios importantes da sétima arte em 2022; mas em recente votação promovida por um aplicativo de pegação, o título foi eleito pelos usuários como Filme do Ano!

O resultado, divulgado semana passada pelo Grindr, ainda trouxe “Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis” em segundo lugar, e “Duna” em terceiro.

Foto: divulgação

Leia mais:

Em outras categorias, “Sex Education“, da Netflix, foi eleito Programa de TV do Ano; “Easy on Me“, da Adele, foi eleita Canção do Ano; e “30“, também da britânica, foi eleito Álbum do Ano. Todos os vencedores você confere clicando aqui.

Família Gucci não está feliz com o filme Casa Gucci: “Retrato impreciso”

O filme “Casa Gucci”, dirigido por Ridley Scott e estrelado por Lady Gagacontinua dando o que falar desde que estreou nos cinemas mundo afora. Agora, a família Gucci, retratada no filme, resolveu se pronunciar oficialmente e ela não está nada feliz com a produção, descrevendo-a como um “retrato impreciso” do que realmente aconteceu.

Casa Gucci: Lady Gaga vai com vestido esvoaçante à pré-estreia
(Foto: Getty Images / Uso autorizado POPline)

Em comunicado oficial, a família Gucci se disse um pouco desconcertada com a produção do filme e o fato de que eles não consultaram, em nenhum momento, a família da grife italiana para falar sobre os personagens da trama, que para eles, foram descritos como ignorantes e insensíveis com o mundo à sua volta.

“A produção do filme não se importou em consultar os herdeiros antes de descrever Aldo Gucci – presidente da empresa por 30 anos [interpretado por Al Pacino no filme] – e membros da família Gucci como bandidos, ignorantes e insensíveis com o mundo à sua volta.

Isso é extremamente doloroso de um ponto de vista humano e um insulto ao legado no qual a marca é construído hoje.”

A família Gucci vive honrando o trabalho de seus ancestrais, cujas memórias não merecem ser perturbadas para dar palco a um espetáculo que é falso e que não faz jus aos seus protagonistas. Os membros da família Gucci se reservam ao direito de tomar atitudes para proteger o nome, imagem e dignidades deles mesmo e de seus entes queridos”, conclui o comunicado.

O texto ainda afirma que o filme adiciona um “tom e uma atitude aos protagonistas dos conhecidos eventos que nunca pertenceram à eles”.

O comunicado foi publicado originalmente pela agência de notícias italiana ANSA e divulgado pelo site da Variety nos Estados Unidos.

Escrito por Giovanni Oliveira

Ariana Grande, Billie Eilish e mais: site lista as 10 fotos mais curtidas do Instagram em 2021

“30”, da Adele, continua no topo da Billboard 200 pela 5ª semana