Billboard: "Blinding Lights" completa 1 ano inteiro no Top 10
(Foto: Divulgação)
in ,

“Blinding Lights”: Música de The Weeknd se torna a 2ª maior da história no mundo

Faixa escalou para a segunda posição da parada histórica da United World Chart.

Um dos grandes sucessos de 2020 e que segue muito forte em 2021, mesmo após totalmente esnobado pelo Grammy Awards, a música “Blinding Lights”, do The Weeknd, atingiu um novo pico na parada histórica global, tornando-se agora a 2ª música mais bem sucedida da indústria fonográfica global.

Mostrando que ainda tem força nas paradas de sucesso, “Blinding Lights” superou “Shape of You”, de Ed Sheeran, e agora está na segunda posição da parada histórica da United World Chart, que contabiliza o sucesso musical de vários mercados do mundo.

“Blinding Lights” chega nesta semana com um total de 19.287.000 pontos, vencendo os 19.147.000 pontos de “Shape of You”. Agora, a música do The Weeknd só fica atrás de “Candle in the Wind 1997”, de Elton John, lançada para homenagear a Princesa Diana na época de sua trágica morte.

>> Mesmo após mudanças, The Weeknd continua boicotando Grammy

Confira o Top 10 histórico da United World Chart:

  1. Elton John – Candle in the Wind 1997
  2. The Weeknd – Blinding Lights
  3. Ed Sheeran – Shape of You
  4. Tones and I – Dance Monkey
  5. Whitney Houston – I Will Always Love You
  6. Bryan Adams – (Everything I Do) I Do It For You
  7. Pharrell Williams – Happy
  8. USA For Africa – We Are The World
  9. Mark Ronson feat. Bruno Mars – Uptown Funk!
  10. Beatles – I Want To Hold Your Hand

The Weeknd quebra recorde na Billboard

The Weeknd
(Foto: Divulgação)

Está decretado! O lugar de The Weeknd é mesmo no topo das paradas da Billboard. É que nesta segunda-feira (3/05), o cantor assumiu novamente o #1 do Hot 100, mas com a faixa “Save Your Tears”, em parceria com Ariana Grande. A colaboração poderosa dois artistas que estão sempre no Top 10 do ranking desbancou “Rapstar”, de Polo G, que caiu da primeira colocação para #4.

Este número um é creditado a ambos os artistas, tornando-se o sexto para cada um. O remix ao lado de Ariana deu à música um grande salto em streaming e vendas, empurrando-a do #6 até o topo em uma semana. A música torna ainda Abel o primeiro artista a ganhar três #1 de um só álbum lançado nesta década, depois de “Heartless” e o recordes “Blinding Lights”. O último artista a realizar o feito foi Drake em 2018, com “Scorpion”.

Escrito por Kavad Medeiros

Luan Santana convida Juliette para participar de seu novo clipe

Em reunião do BBB 21, Kerline surpreende com resultado de harmonização facial