(Foto: Instagram/@biel)
in ,

Biel passa sufoco e é expulso de restaurante com Tays Reis

“Nunca fui tão humilhado em toda a minha vida”

Biel dividiu com seus fãs na noite da última segunda-feira (14) uma situação delicada que viveu com a namorada Tays Reis durante um jantar em um restaurante de luxo em São Paulo. “Nunca fui tão humilhado em toda a minha vida”, declarou o cantor.

(Foto: Instagram/@taysreis)

Em seu Instagram Stories, Biel contou que decidiu levar Tays ao restaurante porque “sempre quis frequentar”.

“Quis trazer a Tays para jantar em um local que eu sempre quis frequentar, sempre quis trazer ela e muito louco que tem que estar de esporte fino. Eu vim de blazer e tirei porque estava com calor”, começou.

O estabelecimento, de acordo com o cantor, exige que os clientes usem trajes do tipo esporte fino e, pelo fato de ter tirado o blaser, foi chamado a atenção.

“Pediram para que eu colocasse o blazer de volta ou me retirasse do estabelecimento, sendo que tinha, inclusive, mulher de vestido com alça, mostrando muito mais pele que eu. O gerente falou que comigo era diferente. Por quê? Por causa da tatuagem que eu tenho nos dois braços fechados?“, disparou.

Decepcionado, Biel deixou o restaurante e declarou: “Nunca fui tão humilhado em toda a minha vida, papo reto. Tirei o blazer com calor e fui mandado embora. Pelo amor de Deus”.

Leia mais: 

A declaração de Biel repercutiu e muitos fãs se revoltaram. No perfil oficial do restaurante comentários como “estabelecimento preconceituoso“, “o processo vem“, “decepção“, “lixos“, “vão perder muitos clientes” e “do que adianta o lugar ser bonito e tratar os clientes com preconceito?” foram deixados.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

Galinha Pintadinha anuncia nova série pelo YouTube Originals

Kelly Clarkson chora ao falar da morte de cantora de apoio

Kelly Clarkson chora ao falar da morte de cantora de apoio