Foto: divulgação
in ,

Alerta Vermelho tem maior dia de abertura para um filme na Netflix

Filme é estrelado por Gal Gadot, Dwayne Johnson e Ryan Reynolds

Estrelado por Gal Gadot, Dwayne Johnson e Ryan Reynolds, o filme “Alerta Vermelho” mal estreou na Netflix e já quebrou recordes! Lançado mundialmente na última sexta-feira (12), o longa-metragem obteve o maior dia de abertura para um filme na plataforma de streaming! Nas redes sociais, os atores agradeceram o sucesso do filme.

Uau! #AlertaVermelho é o maior dia de abertura de um filme da Netflix. Parabéns a toda essa equipe! Mal posso esperar pelo Alerta Vermelho (Taylor’s version)“, brincou Reynolds, fazendo referência ao disco “Red (Taylor’s Version)” da Taylor Swift.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Ryan Reynolds (@vancityreynolds)

Leia mais:

“Isso é incrível !!!! O que posso dizer, vocês são os melhores e a razão pela qual fazemos esses filmes. Tão grata e animada !!! Parabéns @Netflix e a toda equipe #AlertaVermelho”, escreveu Gal Gadot.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Gal Gadot (@gal_gadot)

Ainda processando esta notícia histórica da indústria“, escreveu Dwayne Johnson. “Alerta Vermelho quebrou recordes do dia de abertura da NETFLIX em todo o mundo. Com uma pontuação excepcional de 92% DE PÚBLICO !!“, acrescentou o ator, que garantiu trazer novas informações sobre o sucesso do filme em breve.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por therock (@therock)

Alerta Vermelho, filme mais caro da Netflix, usou tecnologia 6K

O mais caro e mais novo filme da Netflix, “Alerta Vermelho”, traz uma tecnologia inédita no cinema. O diretor Rawson Marshall Thurber detalhou o artifício em uma entrevista para o site ComicBook. Esse foi um dos adventos que encareceu o filme, orçado em US$ 200 milhões.

O longa-metragem, que estreia na sexta (12/11), abre com um voo de câmera, sem cortes, que oferece um nível adicional de imersão para o espectador. É como se o público visse pelos olhos do personagem John Hartley (Dwayne Johnson). “Essas tomadas nunca haviam sido feitas antes na história do cinema, porque a tecnologia que usamos para fazê-las foi inventada cerca de seis semanas antes de usarmos”, contou o cineasta.

Segundo ele, a câmera usada, uma Komodo Camera From RED, é do tamanho de uma caixa de lenços e foi colocada em um drone de corrida. “Esta é uma câmera de qualidade cinematográfica de 6K e por isso a anexamos a um drone de corrida. Colocamos uma pequena lente esférica nela e contratamos um operador de drone de corrida incrível, chamado Johnny FPV, que é o melhor do mundo, para conseguir essa tomada”, explicou.

Escrito por Giovanni Oliveira

“All Too Well” da Taylor Swift se mantém no 1º lugar do Spotify

De Olho na Gig: vagas de trabalho no mercado da música

De Olho na Gig: TikTok, Resso, Amazon Music e mais vagas