TikTok começa a adicionar legendas automáticas nos vídeos
Foto: Hello I'm Nik/Unsplash
in

TikTok começa a adicionar legendas automáticas nos vídeos

TikTok pretende ajudar as pessoas com deficiência auditiva a usar e aproveitar melhor a plataforma

O TikTok anunciou nessa semana que está implementando o recurso de legendas automáticas para ajudar as pessoas com deficiência auditiva a usar e aproveitar melhor a plataforma. O aplicativo afirma que está empenhado em promover um ambiente inclusivo, e isso significa criar produtos e ferramentas que apoiem sua comunidade diversificada.

Como funcionam as legendas automáticas no TikTok

As legendas automáticas geram textos automaticamente, permitindo que os espectadores leiam o conteúdo. Conforme os criadores criam o conteúdo, eles podem selecionar legendas automáticas na página de edição, depois de enviar ou gravar um vídeo, para que o texto seja automaticamente transcrito e exibido em seus vídeos.

Com esse recurso, os criadores têm o poder de editar o texto de suas legendas depois de geradas. As legendas adicionadas pelos criadores fazem parte do conteúdo do vídeo e, caso um espectador queira desativá-las, pode fazê-lo abrindo o painel de compartilhamento, tocando no botão de legendas e desativando-as.

Esse recurso estará inicialmente disponível em inglês americano e japonês, com suporte para idiomas adicionais nos próximos meses. O TikTok afirma que está trabalhando com sua comunidade para divulgar e incentivar todos os criadores a usar legendas automáticas e outros recursos que tornam o conteúdo mais acessível.

TikTok começa a adicionar legendas automáticas nos vídeos
Foto: TikTok/Divulgação

Investindo em acessibilidade

As legendas automáticas baseiam-se em vários recursos para tornar o TikTok mais acessível. De acordo com o comunicado, dada a natureza visual da plataforma, o aplicativo projetou uma série de melhorias, começando com recursos que ajudam as pessoas com deficiência visual. Até o momento, o trabalho sobre acessibilidade da empresa inclui:

  • Uma miniatura animada que substitui as imagens estáticas;
  • Um aviso aos criadores quando eles produzem vídeos com efeitos que podem desencadear epilepsia fotossensível;
  • Um recurso de fotossensibilidade permite que os usuários ignorem o conteúdo fotossensível, que pode ser prejudicial para pessoas com epilepsia;
  • Um recurso de texto para fala que converte texto em voz.

“Nosso objetivo na TikTok é ser acessível a todas as pessoas e estamos comprometidos em fazer o trabalho a longo prazo. No momento, estamos realizando uma avaliação de acessibilidade para identificar áreas adicionais para melhoria e estamos aumentando nosso alcance para organizações e comunidades com deficiências no TikTok para elevar suas vozes e fazer mudanças que sirvam melhor a todos nós. Ao trabalhar com organizações como o The Deaf Collective, pretendemos aumentar a consciência sobre a gama de diversidade, talento e conversas que ocorrem nas comunidades surdas”, diz Stephanie Hind, Gerente de Criadores e Operações, TikTok US.

À medida que avança neste trabalho, a companhia pretende continuar a compartilhar notícias e atualizações com sua comunidade em um esforço para ser transparente e compartilhar o progresso feito. Em tempo, o TikTok divulgou em primeira mão para o POPline.Biz é Mundo da Música o lançamento do recurso de seis novos “efeitos musicais imersivos”, saiba mais detalhes acessando aqui.

Escrito por Láisa Naiane

Surpresa! Selena Gomez vai lançar single "De Una Vez"

Por que os clipes americanos estão cada vez mais cinematográficos?

Documentários de Karol Conká e Lexa ganham títulos e datas de lançamento