in ,

SUGA do BTS faz história solo nas paradas da Billboard

SUGA está com tudo! O rapper do BTS estreou sozinho nas paradas mais importantes dos Estados Unidos nesta semana, a Billboard 200 (de álbuns) e a Billboard Hot 100 (de singles). A mixtape “D-2” estreou em 11º lugar e o single “Daechwita” alcançou a 76ª posição. Para esses lançamentos, ele usou o alter ego Agust D.

Veja o clipe de “Daechwita”:

Com esse outro nome, SUGA se tornou o artista solo coreano que alcançou a posição mais alta na parada de álbuns dos Estados Unidos. O título antes era de outro integrante do BTS, RM, com “mono”, que debutou em 26º em outubro de 2018.

Além disso, SUGA também fez história na Hot 100. “Daechwita” é a segunda melhor estreia de um artistas solo coreano na parada de singles dos Estados Unidos. Só perde para “Gangnam Style” do PSY, que debutou direto em 2º lugar porque era um viral.

“Daechwita”, vale destacar, também está no topo da parada World Digital Song Sales. Agust D, ou SUGA, ocupa todo o Top 10 da parada dessa Billboard com músicas da mixtape “D2”, que lidera a lista World Albums.

SUGA do BTS faz história solo nas paradas da Billboard
(Foto: Divulgação)

SUGA também rendeu polêmica neste lançamento

O lançamento de Agust D também contou com controvérsia. A gravadora Big Hit Entertainment teve que se desculpar, em nome do artista, pelo uso de um trecho de um discurso de Jim Jones (líder da seita Templo do Povo) na música “What Do You Think?”. Jim Jones foi o responsável pelo suicídio coletivo/assassinato em massa de mais de 900 pessoas em Jonestown, na Guiana.

“Nós gostaríamos de pedir desculpas a qualquer pessoa que se machucou ou se sentiu desconfortável por causa disso. Após confirmar o problema, essa parte foi imediatamente deletada e a música foi republicada”, informou a gravadora. Uma nova versão, sem a fala de Jim Jones, realmente foi enviada para as plataformas digitais, substituindo a anterior.

Escrito por Leonardo Torres

“This Is America” salta para 2º lugar no Spotify dos EUA após #BlackoutTuesday

Dua Lipa e Liam Payne participam de protesto antirracista em Londres