in ,

“Sou uma mulher de xerecão”, diz Gaby Amarantos ao exaltar a sexualidade feminina!

Gaby Amarantos sem papas na língua! Após lançar o seu clipe “Xanalá” em homenagem à vagina, uma canção tecnobrega em parceria com Duda Beat, revelou que deixou de receber convites para participar de programas de TV, mas em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo”, ela revelou que não se arrependeu de tomar a atitude. “Eu queria falar do prazer feminino, não só da xana mas de todo esse território, queria falar da sexualidade feminina de uma forma mais livre. A gente tem vários formatos de xana, várias cores de pele, várias texturas diferentes, então no clipe a gente tomou muito cuidado para que todas as mulheres — ou a maioria delas — olhassem e dissessem ‘a minha tá ali’, ‘aquela ali é a minha’, ‘a minha é a da direita’”, explicou.

Gaby Amarantos revelou que tem planos de fazer um álbum com a vagina como tema

A cantora relembrou que foi muito censurada na infância com relação à vagina e quer aproveitar o espaço na mídia para debater a temática. “A gente está no momento de falar sobre isso e o feminismo ajuda muito porque a sociedade está mais aberta para discutir esse assunto. Imagina, eu quando era criança não sabia nada sobre nossa anatomia, minha mãe não falava nada sobre sexo, nunca conversou comigo. E se a gente for pensar em relação ao mundo, no ano passado a gente teve uma das primeiras artistas a lançar um clipe falando sobre vagina, que foi a Janelle Monáe com ‘Pink’. Quando eu vi aquele clipe, eu falei ‘nossa!’; eu já tava com essa vontade, mas quando vi aquela estética, aquilo me guiou muito”, diz.

Ver essa foto no Instagram

Oi Moana é vc?

Uma publicação compartilhada por Gaby Amarantos (@gabyamarantos) em

“A gente tem que ter uma xana perfeita, um azulejo, que não marca no biquíni, sendo que a gente tem uma racha”

Gaby ainda falou que ficou muito indignada com os comentários maldosos na internet quando Preta Gil começou a colocar fotos de biquíni. “A gente tem que ter uma xana perfeita, um azulejo, que não marca no biquíni, sendo que a gente tem uma racha, a nossa anatomia é aquela. Aí fiz um ensaio de fotos de biquíni e umas imagens ficaram com a tal ‘pata de camelo’, e eu achei lindo, decidi postar uma e comentar o episódio da Preta. Eu sou uma mulher de xerecão, eu tenho tudo grande, eu sou grande. Eu tenho bundão, pernão, bração. Já tive problemas com isso, hoje me adoro como eu sou, fora do padrão”, explica.

Gaby Amarantos relembra bulimia na adolescência e cirurgias plásticas

Aos 41 anos e esbanjando empoderamento, nem sempre Gaby Amarantos foi tão bem resolvida com o seu corpo. Ela revelou que sofreu de bulimia aos 15 anos e já fez duas cirurgias plásticas para tentar diminuir seu tamanho, uma lipoaspiração e uma abdominoplastia. “Fiz tudo sem orientação nenhuma, fiquei 40 dias de cama depois da operação na barriga e depois quatro meses andando corcunda, porque eles puxam a pele e você perde a flexibilidade. Fizeram um novo umbigo em mim. E ninguém me falou como seria o pós-operatório, disseram que em duas semanas eu poderia fazer show de novo. Tive que cancelar tudo por quase seis meses”, relembrou.

Escrito por Helena Marques

Marcos e Belutti mostra as primeiras seis faixas do novo projeto audiovisual “Cumpra-se”

Shawn Mendes sai para passear no Rio com equipe de filmagem e tira fotos com fãs