Foto: Reprodução / YouTube
in ,

Rita Ora celebra suas raízes no mini-filme do EP “Bang”

Vídeo com as músicas do EP colaborativo com Imanbek foi gravado na Bulgária.

Depois de marcar seu retorno ao cenário musical, após meses afastada sem lançamentos, com a chegada do EP “Bang”, feito em colaboração com o DJ e produtor Imanbek, Rita Ora vem agora com um belíssimo mini-filme para o projeto.

Rita Ora mini filme Bang
Foto: Reprodução / YouTube

Gravado completamente na Bulgária, o mini-filme “Bang” celebra as raízes tanto de Rita como de Imanbek, ambos nascidos no Leste Europeu.

Com belíssimas cenas, Rita Ora celebra a cultura de Kosovo ao vestir uma peça tradicional albanesa, feita a mão pelo designer Valdrin Sahiti.

“O videoclipe mais difícil e mais eletrizante que eu já fiz”, afirmou a cantora sobre o mini-filme de “Bang”. “Há muitas locações, muita temperatura baixa. Eu realmente queria fazer algo visualmente único e criar um filme de fantasia em uma terra maravilhosa”, completou.

Assista:

Rita Ora e Imanbek lançam o EP “Bang”

Antes da chegada do mini-filme, nesta sexta-feira (12), Rita Ora e Imanbek lançaram juntos, o EP de mesmo nome, com quatro músicas e participações especiais de David Guetta, Khea e Gunna.

“Esse EP é uma celebração das raízes no Leste Europeu tanto minhas como de Imanbek – tudo, desde as melodias e a músicas até o tributo à nossa ancestralidade. Tudo o que eu fiz, eu fiz junto com Imanbek”, afirmou Rita Ora.

“O que eu achei realmente especial sobre esse processo foi que eu cresci com álbuns que são trabalhos coesos, feitos com um produtor e um artista que parecia que eles estavam vivendo e respirando juntos – Aaliyah e Timbaland, Justin Timberlake e Pharrell. Eu sempre amei isso, porque parece muito genuíno e comprometido e focado, e eu acho que isso se mostra na música”, concluiu.

Parceria com Pabllo Vittar?

Rita Ora foi a convidada de honra do POPline para uma live especial nesta quinta-feira (11/02), horas antes do lançamento de “Bang”, seu novo EP. A cantora conversou por cerca de 20 minutos com a editora-chefe do Portal, Mari Pacheco, e claro, comentou sobre a possibilidade de uma colaboração com a drag queen brasileira Pabllo Vittar.

“Claro. Seria incrível. No Brasil, especialmente, eu tenho os melhores fãs e eu quero muito voltar e fazer shows ao vivo. Eu adoraria. A resposta é sim”, disse animada.

Escrito por Kavad Medeiros

BBB21: Boninho afasta rumores de manipulação e diz ter odiado vitória de Karol Conká

Madonna deve lançar documentário da “Madame X Tour” pela Netflix