Foto: Divulgação
in ,

Revista faz ranking polêmico de álbuns de Taylor Swift

“Reputation” é melhor do que “Red”?

Conhecida por suas composições refinadas e seu poder de costurar narrativas, Taylor Swift tem uma das discografias mais aclamadas da indústria fonográfica nas últimas décadas. A cantora norte-americana já foi do country ao pop e do pop ao folk sem enfrentar grandes dificuldades comerciais, visto que todos os seus projetos alcançaram o topo do ranking de vendas e foram elogiados pela crítica especializada.

Uma polêmica foi lançada nas redes sociais na tarde desta terça-feira (6). A revista digital Slant Magazineespecializada em críticas de música e entretenimento, divulgou uma lista na qual organiza a discografia da cantora do melhor para o pior álbum de sua carreira. Os fãs não concordaram com as escolhas da publicação, que elegeu o vencedor do Grammy de álbum do ano, “Folklore”, como o melhor de Taylor.

Taylor Swift define nova música
Foto: Divulgação

O primeiro lugar, porém, não foi o grande epicentro da discussão nas redes sociais, mas sim as posições de “Speak Now“, projeto country lançado em 2010, e de “Red“, álbum queridinho dos fãs e um dos maiores sucessos de Swift. Por outro lado, coletâneas não tão queridas apareceram em posições altas, como é o caso de “Reputation” e, até mesmo, “Lover“.

9. Taylor Swift (2006)
8. Fearless (2008)
7. Speak Now (2010)
6. Red (2012)
5. Lover (2019)
4. Reputation (2017)
3. Evermore (2020)
2. 1989 (2014)
1. Folklore (2020)

4 dos 10 álbuns femininos mais vendidos da era do streaming

Taylor Swift pode até ter começado sua carreira antes da era do streaming, mas é mesmo nessa atual era da indústria fonográfica que a cantora elevou seu status ainda mais, quebrando recordes atrás de recordes e escrevendo seu nome na história da música mundial.

Taylor Swift é acusada de se apropriar de logo de loja africana
(Foto: Reprodução / YouTube)

Tanto que, nos Estados Unidos, Taylor é dona de quatro dos 10 álbuns femininos mais vendidos da era do streaming. A entrada mais recente foi o “folklore”, álbum lançado por ela em 2020. O disco tem atualmente 2.648 milhões de unidades equivalentes vendidas nos Estados Unidos e pegou a posição do “A Star is Born”, de Lady Gaga.

Além do “folklore” na 10ª colocação, Taylor Swift ainda aparece no Top 10 dos álbuns femininos mais vendidos da era do streaming nas seguintes posições:

  • 2º lugar: “1989” (7.355 milhões)
  • 5ª lugar: “Reputation” (3.718 milhões)
  • 7º lugar: “Lover” (3.003 milhões)

O disco feminino mais vendido da era do streaming nos Estados Unidos é o “25”, de Adele, com impressionantes 11.143 milhões de unidades equivalentes vendidas.

>> Taylor Swift anuncia o “Red” como sua próxima regravação

O ranking foi compilado entre os dias 13 de dezembro de 2014 e 9 de janeiro de 2021.

Confira o Top 10:

  1. Adele – 25
  2. Taylor Swift – 1989
  3. Billie Eilish – When We All Fall Asleep, Where Do We Go?
  4. Rihanna – ANTI
  5. Taylor Swift – Reputation
  6. Cardi B – Invasion of Privacy
  7. Taylor Swift – Lover
  8. Beyoncé – Lemonade
  9. Ariana Grande – thank u, next
  10. Taylor Swift – folklore

Escrito por Douglas Françoza

Twitter revela dados sobre consumo de conteúdos de música

Twitter revela dados sobre consumo de conteúdos de música

Tyler, The Creator estreia em #1 em parada de álbuns, seguido de Doja Cat