in ,

“Red”: Jake Gyllenhaal vira meme após anuncio de Taylor Swift

Internautas fizeram piada com reação do ator sobre regravação do álbum cheia de indiretas sobre o antigo romance dos dois

Bastou Taylor Swift anunciar a regravação e relançamento do álbum “Red”, de 2012, para o nome do ator Jake Gyllenhaal parar rapidamente entre os assuntos mais comentados do Twitter, nesta sexta-feira (18/06). O motivo? É que os dois viveram um affair um tempinho antes do álbum chegar a público, e, segundo fãs, as faixas são indiretas da loira para o astro hollywoodiano.

Taylor com Jake viveram um relacionamento em 2010, que culminou em canções-indiretas da loira para o ator. Entre as favoritas do fãs, “All Too Well”, é uma das que mais se especula quando o assunto é o tal romance. E, nesse esquema de regravação, a faixa terá seus 10 minutos entregues.

Jake Gyllenhaal e Taylor Swift. Foto: Twitter

Logo após o anúncio, os fãs compartilharam uma enxurrada de memes e especulações de como Jake deve estar assustado ao saber que irá virar noticia novamente por conta de Swift. A nova edição, com seu vocal atual, sairá em 19 de novembro, com músicas extras e uma de dez minutos de duração. O anúncio foi feito pelas redes sociais, junto de uma carta aberta. Leia ao final:

Leia na íntegra:

“Eu sempre disse que o mundo é um lugar diferente para quem está com o coração partido. Ele se move em um eixo diferente, em uma velocidade diferente. O tempo salta para trás e para a frente fugazmente. O coração partido pode passar por milhares de microemoções por dia tentando descobrir como passar por isso sem pegar o telefone para ouvir aquela velha voz familiar. Na terra do desgosto, momentos de força, independência e rebelião despreocupada são intrinsecamente entrelaçados com tristeza, vulnerabilidade paralisante e desesperança. Imaginar seu futuro pode sempre levá-lo a um desvio de volta ao passado. E tudo isso para dizer que o próximo álbum que estarei lançando é a minha versão do ‘Red’.

Taylor Swift lançará nova versão de "Red" com 30 músicas!
(Foto: Divulgação)

Musicalmente e liricamente, Red parecia uma pessoa com o coração partido. Estava em todo lugar, um mosaico fragmentado de sentimentos que de alguma forma todos se encaixaram no final. Feliz, livre, confuso, solitário, devastado, eufórico, selvagem e torturado por memórias do passado. Como tentar peças de uma nova vida, entrei no estúdio e experimentei diferentes sons e colaboradores. E não tenho certeza se foi derramar meus pensamentos neste álbum, ouvir milhares de suas vozes cantando as letras para mim em solidariedade apaixonada, ou se era simplesmente o momento, mas algo foi curado ao longo do caminho.

Às vezes você precisa conversar sobre isso (indefinidamente) para que realmente … acabe. Como seu amigo que liga para você no meio da noite falando sem parar sobre o ex, eu simplesmente não conseguia parar de escrever. Esta será a primeira vez que você ouvirá todas as 30 músicas que deveriam ir para o ‘Red”. E ei, um deles tem até dez minutos de duração.

.

Escrito por Leonardo Rocha

Sobre o retorno de Diana Ross: “é Beyoncé dos anos 80”

Entrevista: Gloria Groove detalha o “livro aberto” que é “Lady Leste”