Foto: Reprodução/Instagram
in ,

Vítima do descaso do governo, Paulo Gustavo fez doações na pandemia

Sem divulgar na imprensa, ator ajudou seus funcionários e comprou litros de oxigênio para Manaus

Vítima da Covid-19, Paulo Gustavo ajudou com doações em meio a pandemia. Em suas redes sociais, Susana Garcia Capri — irmã de Mônica Martelli — revelou que o artista ajudou financeiramente 120 pessoas da indústria cinematográfica durante três meses, além de ter doado 500 mil reais para compra de cilindros de oxigênio para Manaus.

Foto: Reprodução/Instagram

Paulo Gustavo não resistiu às complicações do novo coronavírus na noite da última terça-feira (4), ele tinha 42 anos e estava internado desde o dia 13 de março. Nas redes sociais, milhares de pessoas, famosas e anônimas, estão prestando suas homenagens e foi dessa forma que as doações dele vieram à tona.

Susana Garcia Capri é médica, diretora e cineasta. Ela trabalhou com Paulo nos filmes “Minha Vida em Marte” e “Minha Mãe é uma Peça 3”. Em seu Instagram publicou um longo desabafo, revelando que ele depositou mil reais durante três meses na conta de 120 pessoas que trabalharam nestes filmes.

“Você, na pandemia, depositou por três meses, mil reais por mês para quase 120 pessoas que trabalharam nos filmes que nós fizemos. Você mandou um e-mail pra todo mundo das equipes perguntando quem estava precisando de ajuda. E as pessoas foram tão corretas, que várias falaram que estavam conseguindo segurar e que não precisavam. Mas a maioria recebeu essa ajuda”.

> Paulo Gustavo terá velório fechado no Theatro Municipal do Rio

Além disso, entregou em primeira mão que Paulo enviou 500 mil reais para ajudar na compra de cilindros de oxigênio durante a crise de Manaus. Essa informação não havia sido revelada até agora.

“E na crise em Manaus, vc enviou 500 mil reais para compra de oxigênio e nunca divulgou nada. Lembro um dia, antes de vc ser intubado, que vc me disse que estava sentindo muita falta de ar, mesmo com cateter de oxigênio, e que vc estava feliz de ter comprado oxigênio para as pessoas”.

> Saiba como participar da homenagem a Paulo Gustavo nesta quarta

Padre Julio Lancellotti revela doação milionária de Paulo Gustavo

Quem também compartilhou uma boa ação feita por Paulo Gustavo foi o padre Julio Lancellotti. Segundo ele, o artista contribuiu com R$ 1,5 milhão para a construção de um centro de tratamento de câncer em 2017.

“Muita gente não sabe, mas o ator Paulo Gustavo era grande benemérito das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid). Paulo Gustavo doou R$ 600 mil para a construção de uma unidade de oncologia da Osid. Em 2017, quando a obra de construção iniciou, ele visitou o espaço. O apoio não parou por aí. Segundo a superintendente da Osid e sobrinha de Santa Dulce, Maria Rita, Paulo Gustavo doou à instituição um total de 1,5 milhão”.

> Paulo Gustavo ganha homenagem de Beyoncé

Há um ano, Paulo Gustavo revelava em entrevista ter medo de contrair Covid

Em maio de 2020, Ingrid Guimarães entrevistou Paulo Gustavo remotamente para o programa “Além da Conta”. À época, os números de casos de Covid-19 no Brasil começavam a disparar e o medo do que poderia acontecer era iminente. No bate-papo, o humorista revelava ter problemas respiratórios e seu medo de ter que usar algum tipo de medicamento que pudesse comprometer sua saúde. Relembre:

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Daiv Santos

Produtor de “Dilúvio”, de Karol Conká, comenta sonoridade ‘emo’

Karol Conka deve ter sua melhor estreia nas paradas com “Dilúvio”