banner com link para rádio globo
Pabllo Vittar joga a real sobre caso Maurício Souza: "ele tinha que ter ficado calado
Foto: Globo
in ,

Pabllo Vittar joga a real sobre caso Maurício Souza: “ele tinha que ter ficado calado”

Jogador de vôlei fez comentário homofóbico.

Pabllo Vittar é uma grande porta-voz da classe LGBTQIA+. Ela não tem medo de se posicionar e defender o que acredita. Na madrugada desta sexta-feira (12) ela participou do programa “Conversa com Bial”, da Globo, e falou sobre o caso Maurício Souza.

Maurício Souza é um jogador de vôlei que causou polêmica (e foi demitido) quando comentou a notícia de que filho de Clark Kent se assume bissexual em uma HQ. Ele disse: “Ah é só um desenho, não é nada demais. Vai nessa que vai ver onde vamos parar“.

Pedro Bial, então, pediu para Pabllo Vittar falar sobre isso:

“Eu acho que ele tinha que ter ficado calado porque minha mãe me ensinou que quando a gente não tem algo pra acrescentar, a gente fica de boquinha calada, sabe?”, soltou.

Pabllo Vittar joga a real sobre caso Maurício Souza: "ele tinha que ter ficado calado"
Foto: Globo

Leia Mais:

Pabllo Vittar deixou claro que homofobia é crime e pediu uma mudança de atitude para quem ficou conivente: “Eu acho que em 2021 a gente não tem tempo mais pra essas falas, é muito errado pensar que isso é só um comentário, um achismo, só minha opinião. Não, baby, opinião homofóbica é crime… Então lide com as consequências. E as outras pessoas que compactuam com esse mesmo pensamento, se liguem, fiquem atentas, mudem com o seu jeito, porque isso é crime, é errado, homofobia não é legal“, completou.

Errada não está, não é mesmo? Não dá para aceitar homofobia!

Assista ao vídeo:

Escrito por Caian Nunes

Damon Albarn, Daparte, Zander e Henrique Portugal estão nos lançamentos da semana

“Eu não sou petista, eu sou lulista”, reafirma Dra. Deolane em podcast