Connect with us

Pabllo Vittar

Pabllo Vittar fala sobre as inéditas do álbum “111” e a nova turnê que começa nesta quinta-feira em São Paulo

Published

on

Nesta quinta-feira (31/10) é o que podemos chamar de “Pabllo Vittar Day”. Esta noite chega às plataformas digitais o novo álbum “111” e pra comemorar o lançamento, acontece na Audio, em São Paulo, a festa Halloween da Pabllo. Vai ser lá que a cantora dará início à nova turnê que, obviamente, incluirá as novas músicas, bem como novas coreografias e projeções. Mas antes disso, rolou um encontro com a imprensa no fim da tarde desta quarta (30/10). Além de acompanhar com exclusividade 20 minutinhos do show, pudemos conversar sobre diversos assuntos e sim: um trecho de “Porta Perra” foi tocado sem querer durante o ensaio.

image host

Como todo mundo sabe, o “111” estará liberado a partir das 21h. Sobre a divisão do álbum em duas partes, Pabllo garante que a opção foi devido à forma como as pessoas têm consumido música.

“O álbum está cheio de participações muito legais, com vários ritmos… Decidimos lançá-lo em duas partes porque o consumo de música mudou. Hoje em dia a gente lança um álbum com dez músicas e na outra semana já estão perguntando por outras. Nessa primeira parte vocês já conhecem ‘Flash Pose’ e ‘Parabéns’ e tem outras duas que se chamam “Porta Perra” e “Amor de que”, que são incríveis também. Quando pensamos neste álbum, nesta coisa de aniversário, queríamos algo pra cima, divertido e que as pessoas pudessem se conectar à música independente do idioma que elas sejam”.

Pabllo contou que “Porta Perra” e “Amor de que” são faixas solo. Ou seja: as muitas participações que ela prometeu ficarão mesmo para a segunda parte do disco, ainda sem data de lançamento. Mas ela comentou sobre as faixas inéditas:

“Foi muito engraçado gravar ‘Porta Perra’ porque é em espanhol. E eu tinha que atingir os agudos cantando em outro idioma. No final das contas, essa foi uma das músicas mais divertidas de gravar porque ficávamos o tempo inteiro dando risada. E a ‘Amor de que’ não é uma sofrência… Humm, talvez seja sofrência para quem a ouve, mas não pra mim [risos]. A pessoa que se identificar com a mensagem vai sofrer um pouco, mas eu não [risos]”.

E mesmo com um novo álbum prestes a sair, ela já pensa no próximo:

“Cada vez mais me envolvo no processo de composição. Este disco, em especial, fui todos os dias pra casa do meu produtor [Rodrigo Gorky], dei duro, experimentamos sons. Inclusive penso em fazer um curso de produção musical para, quem sabe, eu mesma produzir uma música minha pro meu quarto álbum. Mas no fim, o processo é colaborativo. Todo mundo participa de tudo. O ‘111’ foi um álbum que aconteceu este ano. Então ele traz um pouco das minhas experiências no Coachella, pela América Latina, por Los Angeles… e misturar tudo isso com a brasilidade é muito legal”.

image host

Depois de comentar sobre as polêmicas do Prêmio Multishow e de ficar encabulada com a mensagem de Ivete Sangalo sobre uma futura parceria e convidá-la para a segunda parte do “111”, Pabllo confirmou que vai apresentar “Flash Pose” no EMA (neste domingo, 3/11) de uma forma “diferenciada”, sem antecipar a surpresa. Além disso, garantiu que o “111” vai ganhar edição física.

Na sequência da coletiva, assistimos um pedaço do ensaio. Gentilmente, a organização pediu para que não fossem feitos fotos ou vídeos. Mas podemos adiantar que este show na Áudio, em especial, terá um clima de Halloween com direito à trechos de “Thriller”, do Michael Jackson. A todo tempo, as luzes e projeções que predominaram foi o vermelho intenso, similar ao da capa do “111”. Pabllo ensaiou ao lado de seis dançarinos as músicas “Flash Pose”, “Nêga” (com um mashup de “Kill This Love”, do BLACKPINK, da qual ela é fã declarada) e “Energia” (a parceria com Sofi Tukker), além de uma espécie de “interlude”.

E sobre o trecho de “Porta Perra” que vazou sem querer, tudo o que conseguimos ouvir foi Pabllo dizendo a frase “Hola, mi chico” duas vezes seguidas. E parece ser mais uma canção dançante, com toque brega-funk.

Para ver tudo isso de pertinho e, de quebra, cantar parabéns para a Pabllo Vittar pessoalmente, compareça à Áudio, em São Paulo. Ou para quem não puder estar presente, acompanhe a transmissão ao vivo pelo site criado especialmente para divulgação do projeto “111”. Para assistir, acesse 111pv.com.br com seu perfil do Spotify ou da Deezer.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HojeTemLive.com.br




Ranking