in ,

Kardashians criticam atualizações do Instagram e CEO rebate

Kylie Jenner e Kim Kardashian pediram para o app parar de tentar ser o TikTok

Kardashians criticam atualizações do Instagram e CEO rebate
Foto: Getty Images/Uso autorizado POPline / Twitter/ @mosseri

O que houve com o Instagram? Kim Kardashian e Kylie Jenner reclamaram nesta semana que o aplicativo quer se parecer cada vez mais com o TikTok. Desse modo, o CEO do aplicativo, Adam Mosseri, apareceu nesta terça-feira (26) para esclarecer dúvidas sobre as atualizações.

Foto: Instagram/ @kyliejenner/ @kimkardashian

LEIA MAIS:

Primeiramente, Kylie compartilhou nos Stories uma foto que pedia as funções antigas do aplicativo de volta. “Faça o Instagram ser o Instagram de novo. Pare de tentar ser o TikTok, eu só quero ver fotos fofas dos meus amigos“, disse. A irmã, Kim, também publicou a imagem.

Vale lembrar que, em 2018, quando a dona da marca de cosméticos reclamou do Snapchat, a empresa perdeu cerca de US$ 1,3 bilhão (R$ 4,2 bilhão na época) em valor de mercado. Para que o mesmo não se repita com o Instagram, o CEO da plataforma se pronunciou sobre o caso.

“Há muitas coisas acontecendo no Instagram agora. Estamos experimentando várias mudanças no aplicativo. Estamos cientes que vários de vocês têm preocupações. Então queria explicar algumas coisas”, disse ele.

Mosseri disse que o app continuará com as fotos, mas ele acredita que os vídeos são o futuro. “Eu acredito que mais e mais que o Instagram se tornará vídeo”, afirmou.

O executivo esclareceu sobre a atualização da nova versão em tela cheia do feed. De acordo com o CEO, ainda está sendo desenvolvida uma melhor versão e esta é apenas um teste.

Além disso, ele também explicou este recurso de sugestão de posts de contas não seguidas pelo usuário. Conforme Mosseri contou, esta é uma forma de ajudar a ampliar o alcance de conteúdos e proporcionar novas descobertas.

LEIA MAIS:

Influencers reclamam do Instagram

No próprio post do executivo, vários influencers aproveitaram para criticar a plataforma. Após a explicação de que ‘vídeos são o futuro’, a modelo Chrissy Teigen, que possui 38,6 milhões de seguidores no Instagram, respondeu: “A gente não quer fazer vídeos, Adam“.

O CEO, então, justificou. “Se você não quer fazer vídeos, é melhor não fazer. O que eu quero é um Instagram que seja sobre fotos para quem prefere fotos, e também que seja sobre vídeo para aqueles que preferem este formato“, escreveu.

Outros influenciadores também reclamaram da plataforma. “Eu sinto que acabar com o alcance (das fotos) com certeza não é apoiar? (Ou vídeos) algo definitivamente mudou nas últimas semanas é super desanimador“, escreveu Em Sheldon.

Estou analisando se algo mudou nas últimas semanas, mas queremos que os criadores alcancem o maior número possível de pessoas. O desafio é que a maioria das pessoas não têm tempo para ler tudo de todos a seguir. Mas é do nosso interesse ajudar os criadores e aumentar o bolo geral“, respondeu o CEO.

Por que você nunca ouve seus usuários?“, questionou outra influencer. “Acredite ou não, nós tentamos. Passamos muito tempo tentando entender o que as pessoas preferem com base em como usar o Instagram e o que dizem sobre o aplicativo. As coisas podem ficar complicadas quando esses dois estão em tensão“, respondeu ele.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!