Filipe Ret. Foto: Sant / Divulgação
in ,

‘Imaterial’: Filipe Ret alcança 30 milhões de excussões em novo álbum

Em menos de dez dias, rapper reafirma o poder de suas rimas com aceitação do público

Os números provam o poder de Filipe Ret e a expansão do rap nacional nas plataformas digitais. É que nesta quarta-feira (31/03), o artista alcançou nada menos que 30 milhões de players, em 10 dias de lançamento do álbum “Imaterial”. Só o single “F*F*M*” chegou a figurar no Top 50 Viral Global do Spotify, e todas as cinco faixas do projeto entraram no Top 200 Brazil da aplicativo.

Com exclusividade ao POPline, o rapper contou que a resposta do público tem sido gratificante, já que o trabalho tem sido visto muito elogiado de uma forma completa e não só nas rede sociais. Ret está recebendo o feed back também nas ruas por onde anda.

“Me surpreendeu bastante essa recepção do disco, porque sempre que vou na rua, alguém me para e fala que gostou muito do álbum. Estão falando do disco como um produto completo e estão apreciando isso. Claro que a gente trabalha para valer todo o esforço e atingir todas as pessoas, mas fiquei surpreso com o carinho que todos receberam o projeto como um todo”, comemora o artista.

Consagrando uma carreira de mais de 10 anos de sucesso, o rapper Filipe Ret está colhendo os frutos do novo disco. Lançado há um pouco mais de 10 dias pela Som Livre, para ser mais preciso, na noite do dia 18 de março, as faixas têm apresentado ótimo desempenho na rede.

Com posto por “F*F*M*”, “WAR”, “Acende a Vela”, “Além do Dinheiro” e “Cobaia de Deus”, “Imaterial”, coroa o longo trabalho de um dos maiores rappers do país. Somando os streamings nas plataformas de música e as visualizações no YouTube, já são mais de 30 milhões só para o álbum.

Reafirmando versatilidade e inovação musical, o conceito audiovisual do projeto aposta em uma unidade de linguagem potente, levando os fãs para uma experiência imersiva dentro do portal para o mundo “Imaterial”, criado por Filipe Ret. Além dos videoclipes de “F*F*M*” e “WAR”, as demais canções “Cobaia de Deus”, “Acende a Vela” e “Além do Dinheiro” chegam um recurso inovador que apresenta recortes de vídeos online em uma espécie de webclipe.

Escrito por Leonardo Rocha

Jão faz primeira apresentação ao vivo de “Coringa” e “Amor Pirata”

BBB 21: Juliette vai ajudar Gil a se montar de Drag Queen para festa