Lady Gaga para ensaio fotográfico do álbum "Chromatica"/Foto: Divulgação
in

Hitou: Oreo da Lady Gaga tem venda limitada após grande demanda

Biscoito tem edição especial do “Chromatica”.

Está todo mundo querendo comprar o biscoito Oreo com o tema do “Chromatica“! A edição especial tem toda a vibe que Lady Gaga traz em seu mais recente álbum. O biscoito é rosa e o recheio é verde. O sabor é meio idefinido.

Está circulando uma foto de uma loja da Target nos Estados Unidos que teve que tomar a atitude de limitar as compras. Cada pessoa só poderia levar um pacote para casa. Nada de estocar!

Oreo da Lady Gaga sucesso de vendas
Foto: Reprodução Internet

Por conta da alta demanda, apenas um pacote por cliente“, diz a placa.

Quem compra o biscoito (ou bolacha, como preferir), ainda pode participar de uma promoção e ganhar uma experiência especial com Lady Gaga. Imagina só?!

Foto: Oreo

Little Monsters fazem campanha para distribuição de biscoito da Lady Gaga no Brasil

Os brasileiros também querem o Oreo da Lady Gaga e estão lutando por isso!

O lançamento é uma parceria com a marca de biscoitos Oreo, que originalmente comercializa uma bolacha na cor preta (chocolate), com recheio branco no sabor baunilha. Na versão de Gaga, o aperitivo ganha cores especiais. Além disso, em cada biscoito, também estará gravado os símbolos do “Chromatica”.

Apesar da novidade animadora, a marca de biscoitos Oreo ainda não se pronunciou sobre a distribuição do produto no Brasil, já que a divulgação por meio da cantora. Com a indefinição sobre a comercialização do “Oreo Chromatica”, os fãs da cantora iniciaram uma campanha nas redes sociais, questionando a marca.

No Twitter, alguns perfis mencionaram a marca e ficaram animados com a bolacha da gaga:

No Instagram não foi muito diferente. A caixa de comentários dos últimos posts da marca estão lotadas de comentários de Little Monsters.

Foto: reprodução/ @oreobrasil Instagram
Foto: reprodução/oreobrasil Instagram

 

Lady Gaga fala sobre composição do “Chromatica”

Além de uma incrível cantora e instrumentista, Lady Gaga é também bastante conhecida por suas composições e com o “Chromatica”, mais recente álbum da cantora, isso não poderia ser diferente e ela se destacou mais uma vez nas das músicas do projeto.

E para o site American Songwriter, Lady Gaga resolveu falar um pouco mais sobre o processo de composição do “Chromatica” e, entre outras coisas, destacou seu trabalho na música “Fun Tonight”, que ela descreve como uma das músicas mais tristes do álbum, e sua colaboração com Elton John em “Sine From Above”.

Produtor de Lady Gaga revela como foram criadas músicas do "Chromatica"
(Foto: Divulgação)

“Elton é família. É maravilhoso trabalhar com Elton”, afirmou Gaga sobre a colaboração em “Sine From Above”. “Ele tinha começado a música primeiro e então me enviou e eu escutei e amei e então terminei ela e enviei de volta pra ele e disse, ‘Você gosta, você gosta?’. Ele amou.”

“Nós decidimos gravá-la e ela se tornou tão especial. Eu amo essa música mais do que tudo. Eu lembro quando estávamos terminando ela, foi difícil – Eu pressionei os meninos para fazê-la quase speed-core [subgênero do Hardcore Techno] no final. Apenas essa explosão sônica. Foi porque eu queria – eu queria que essa música tivesse alcance, começando de uma forma bem orgânica, melódica e então terminando em uma espécie de cacofonia. A cacofonia que eu não sou confortável.

“Eu acho, sabe, quando você passa por coisas difíceis, não é necessariamente sobre essas coisas difíceis começarem para que você fique bem. Eu acho que é sobre você estar bem com as coisas difíceis. É construir resiliência. ‘Sine From Above’ é muito sobre resiliência”, concluiu Gaga.

Sobre “Fun Tonight”, a cantora afirmou: “Na verdade eu gosto de cantar no microfone praticamente todo o tempo que estamos compondo. Eu não gosto de gravar coisas em caso de eu esquecer. Mas eu tenho uma teoria que se você esqueceu, é ruim e você não deveria gravar! Então, essa música em particular – essa música, oh Deus eu amo essa música. É quase impossível para mim ouvi-la, na verdade; Eu acho que é uma das músicas mais tristes do álbum. Eu acho que talvez seja a música mais triste do álbum. Porque eu estou realmente cantando para mim mesma.”

Escrito por Caian Nunes

Fenômeno do K-POP

“Forever”: Tudo sobre o novo single do aespa

Saudação nazista gera expulsão no “Big Brother Portugal”