Aglomeração
Foto: Divulgação
in

Gusttavo Lima, Ludmilla, Mumuzinho e outros cantam em festa para 500 pessoas no Rio

Festa causou aglomeração em plena pandemia de Covid-19.

Na noite de sexta-feira, 15 de maio, aconteceu uma festa para 500 convidados no Copacabana Palace, hotel histórico no Rio de Janeiro. Houve shows dos artistas Ludmilla, Gusttavo Lima, Dudu Nobre, Alexandre Pires e Mumuzinho. O evento aconteceu quando as aglomerações não são recomendadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) na pandemia do Covid-19.

Show 500 pessoas
Foto: Bruno Menezes, Metropoles

O evento era comemorativo ao aniversário de Adilson Coutinho de Oliveira e promovido pela empresa de Carol Sampaio. Ela afirma que sua empresa, a CS Eventos, foi responsável pela produção do cerimonial e não esteve no local.

Leia comunicado: “A assessoria de imprensa de Carol Sampaio informa que a promoter não assinou a lista de convidados do cerimonial ocorrido nessa sexta-feira (14), no Copacabana Palace. A CS Cerimonial, um dos braços da CS Eventos da qual Carol é sócia, não teve responsabilidade pela quantidade de pessoas no local e a mesma não estava presente no local. A empresa foi responsável apenas pelo cerimonial, respeitando todas as normas de segurança regulamentadas pela OMS. É extremamente necessário comunicar que a empresária é radicalmente contra o desrespeito às normas de segurança da COVID-19″.

Explicações

Os artistas foram procurados por assessoria e afirmaram que fizeram o teste do Covid-19.

O Gusttavo Lima foi contratado como artista, como os demais. Fizeram o show dentro das normas de segurança do Rio de Janeiro. Todos os protocolos foram seguidos, inclusive, testes foram realizados em todos os presentes no local. Os 500 convidados eram 40 % da capacidade do local. Estava dentro das normas”, afirma a nota.

O próprio Copacabana Palace, que sediou o evento, explicou a situação:

O Copacabana Palace informa que, para realização do evento do dia 14 de maio nas dependências do hotel, foram cumpridas todas as exigências e obrigações legais estabelecidas pelo decreto n° 48.845, publicado em 7 de maio de 2021 no Diário Oficial do Município. O Copa reforça para seus contratantes externos que o comprometimento com as recomendações das autoridades é um pré-requisito para que os eventos aconteçam. Adotamos um protocolo de prevenção e combate à Covid-19 de acordo com as regras vigentes, de modo que a saúde e segurança de hóspedes, funcionários e clientes são nossa maior prioridade”, afirmar em comunicado.

Imagens fimadas pelo público estão circulando na internet:

Escrito por Caian Nunes

Billboard e Twitter criam ranking de músicas mais tweetadas

BTS: Leitores elegem o membro com o melhor visual da era Butter