Pedro Sampaio. Foto: Twitter
in ,

Exclusivo: Pedro Sampaio conta como sua música foi parar no Grammy

DJ teve seu remix tocado na premiação durante performance de Cardi B e Megan Thee Stallion

Quem disse que não teve brasileiro no Grammy Awards? Quem acompanhou a maior premiação da indústria da música, neste domingo (14/03), ficou impressionado com a performance de Cardi B, que subiu ao palco para cantar “WAP“, ao lado de Megan Thee Stallion. Tudo corria dentro da normalidade até… que uma certa batida chamou atenção. Sim! A rapper incluiu no hit nada menos que um remix de funk, produzido por Pedro Sampaio, dando um tempero especial à cerimônia.

Em entrevista exclusiva ao POPline, o DJ, compositor e cantor carioca revelou que, assim como o público, a escolha de Cardi B foi totalmente inesperada.

“Pra mim foi uma surpresa ser acordado pelo meu pai falando que a minha música estava tocando no Grammy. Eu fico honrado em saber que a Cardi B gostou tanto do remix que eu produzi que decidiu colocar na apresentação dela em uma das maiores premiações musicais no mundo”, celebrou Pedro, chocado com o fato.

Foto: Reprodução/Instagram

Na performance quentíssima, a rapper incluiu trecho do remix que o brasileiro lançou em setembro de 2020, incluindo o verso em português “fica de quatro“, que tem a voz de Pedro. Ele, claro, amou a oportunidade de ter sua música tocada na premiação e destacou o talento da norte-americana.

“Ela é uma artista incomparável e que se identifica muito com a nossa cultura. Ver duas mulheres cantando sobre liberdade sexual e prazer para o mundo todo ao som do funk carioca, com uma letra tão poderosa me deixa muito feliz”, comemorou.

Foto: Reprodução Instagram/@pedrosampaio

Acordado em festa, ele postou o acontecimento em seus stories no Instagram: “Eu tava dormindo… ‘Pedro Sampaio no Beat ela vem’ NO GRAMMY com a Cardi B“, postou o DJ. Nas redes, a rapper agradeceu ao artista: “Obrigado Pedro, eu simplesmente precisava fazer isso“, ao que Pedro respondeu: “Quanto tempo vai demorar para Cardi B lançar um funk para o mundo?! Cardi, quando você precisar do seu próprio hit com funk, você sabe para quem ligar“.

Mas nem tudo saiu como o esperado. Apesar da parceria ter sido muito comemorada por fãs e artistas nas redes sociais, teve gente que não viu o remix com bons olhos, incluindo o produtor Rick Bonadio. Ele usou suas redes sociais para criticar o funk, afirmando que é o “pior tipo de música produzida no país“. Para ele, deveríamos nos orgulhar em exportar música de qualidade.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Dj Pedro Sampaio (@pedrosampaio)

A classe artística se revoltou contra Bonadio. Nomes como Anitta, Ludmilla, Luísa Sonza e tantos outros se manifestaram contra a posição do produtor. Vale lembrar que Rick foi responsável pelas carreiras de grandes grupos como Charlie Brown Jr., Mamonas Assassinas, Rouge e NX Zero.

Pedro Sampaio lança EP de remixes e conta tudo ao POPline
(Foto: Divulgação)

Por dentro de tudo o que rola no mundo da música, Pedro, de 23 anos, preferiu dar sua resposta através da arte. Nesta segunda-feira (15/03), ele liberou um remix da música “Brasília Amarela”, grande clássico dos Mamonas Assassinas com o tack “Pedro Sampaio no Beat Ela Vem“. Confira!

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por POPline 🎧 (@portalpopline)

 

Escrito por Leonardo Rocha

“Vergonha”: Conselho de pais critica performance de Cardi B e Megan Thee Stallion no Grammy

BBB21: Projota promete tirar Fiuk do programa: “aqui dentro ou lá fora”