Connect with us

Entrevistas

Entrevista: Liam Payne fala sobre o novo single “Stack It Up”, encontrar o seu próprio som e dá detalhes do primeiro álbum solo

Conversamos com o cantor dias antes da música ser anunciada aos fãs.

Published

on

Foram seis anos ininterruptos produzindo álbuns, clipes, entrevistas, apresentações em programas de TV, capas de revista, viajando o mundo com outros quatro companheiros. Liam Payne ganhou fama e pode finalmente conquistar seu sonho de viver de música, mas precisou fazer concessões individuais e encontrar um meio termo com os companheiros de One Direction para que a boyband se tornasse uma das maiores atrações musicais da última década.

Quando chegou a hora de seguir seu próprio caminho, um novo desafio: encontrar a sua própria voz, o seu próprio som. Para alguns, tudo fluiu naturalmente – como para Harry Styles e Niall Horan que seguem para o segundo álbum solo. No entanto, para Liam, os anos tomando suas decisões só intensificaram essa busca. Mas a notícia boa é: a procura finalmente está encerrada!

Foto: Jason Hetherington/Divulgação

Dias antes de “Stack It Up” ser anunciada, o POPline foi procurado para conversar com Liam. O lado curioso é não tínhamos ideia sobre o que especificadamente iríamos falar. Meu primeiro pensamento foi “deve vir novidade por aí”, mas num mundo imediatista e que nem sempre o single ou álbum tem um anúncio propriamente dito, o assunto que norteia a entrevista poderia ser qualquer um. Até que música foi liberada para minha audição questão de horas antes do papo.

O mistério foi minha introdução e mostrei surpresa com o que havia chegado em meu e-mail. “Que bom que você já ouviu. E aí gostou?”, me perguntou rindo se mostrando agradecido com a resposta positiva. “Eu sei que os fãs ficam na expectativa sobre lançamento de álbum, de novo single, mas a gente tinha uma agenda apertada, lançamento com outros artistas e foi difícil organizar o momento ideal para o lançamento dessa música, mas finalmente deu certo!”, me disse. Durante toda a ligação, o cantor se mostrou bastante seguro com o que está colocando no mercado e acima de tudo… feliz!

“Stack It Up” é uma aposta certeira para as rádios. Com cara de prima mais madura e encorpada de “Strip That Down”, a música solo mais bem sucedida de Liam, ela traz novamente a parceria Ed Sheeran e Steve Mac. Não mexer em time que se está ganhando?”, perguntei. “[risos] Me sinto sortudo de poder trabalhar com artistas e produtores que gosto muito, gente muito talentosa. ‘Strip That Down’ foi um grande sucesso e estou muito orgulhoso dessa nova música. De verdade”, me reafirma com confiança. “A música é muito Ed Sheeran e, por favor, não diga que meu ouvido me traiu porque o ouço no fundo”, comentei. “Hum… [pensa em como me responder] Ed tem o costume de colocar a voz aqui e ali nas músicas então acho que dá para dizer que ele, de certa forma, está ali também”.

“Strip That Down” foi 3º na parada britânica de singles, passou 25 semanas no ranking britânico e entrou na Hot 100, a principal parada norte-americana. Em maio, a música ganhou certificado triplo de platina nos EUA.

A veia “urban” comum entre “Strip That Down” e “Stack It Up” não é algo aleatório ou com intenção de novamente ir bem nas paradas mundiais. Significa que Liam acertou a mão e encontrou a sua identidade como artista. “Acho que você pode dizer que sim, que eu achei o meu som. Não é segredo para ninguém que realmente gosto da mistura pop com R&B, o som urban, e ‘Strip that Down’, ‘Stack it Up’ dão o clima, a intenção do que eu realmente gosto de fazer e meu primeiro álbum reflete muito essa referência que tenho”.

“Então é 100% oficial: temos um álbum solo pronto”, me adiantei. “Temos (risos)! Finalmente!”, segue Liam entendendo a urgência da tal pergunta. Desde que “Strip…” saiu são dois anos e meio de testes. Além da parceria com Quavo, ainda em 2017 Liam se jogou na mistura com a música eletrônica e pop de “Get Low” e voltou ao pop/R&B com “Bedroom Floor”. No ano seguinte, “For You” com Rita Ora, “Familiar” com J Balvin, o EP “First Time” e finalmente “Polaroid” com Jonas Blue e Lennon Stella. “Stack it Up” é o seu primeiro lançamento em 2019 e já nos aproximamos do final de setembro.

“Nossa, eu gravei muita coisa! Muita coisa mesmo. Foram tantas que não sei dizer ao certo agora quantas músicas exatamente foram gravadas para este álbum, mas no final chegamos a 14 faixas”, nos revelou. Ao ser perguntado se canções já lançadas estarão no álbum, Liam confirmou, mas não disse quais e nem quantas. Baladas? Também teremos. “Acho que dá para dizer que há pelo menos uma balada no álbum. Ele é realmente o que eu queria que ele fosse. Talvez por isso tenha demorado um pouco a acontecer”, confessa. A data exata ele não disse e dessa vez a resposta foi curta: “em alguns poucos meses”.

Quando veio ao Brasil da penúltima vez, Liam sentou conosco para um papo em vídeo e revelou interesse em permear o primeiro álbum como uma playlist. A ideia se manteve, disse ele revelando que o mais recente álbum do Post Malone tem faixas sonoramente similares às faixas do disco que ainda não conhecemos. “Era para ser uma dica, mas me deixou mais curiosa”, respondi. Ele riu mantendo o mistério. Perguntado sobre produtores e parcerias no disco Liam disse que no momento não pode dar mais detalhes. Para um artista que vem sendo cobrado há mais de dois anos por um álbum solo, o momento é de cautela e de seguir a risca um planejamento feito há meses. Então, é mais do que compreensível um certo silêncio. Liam não se negou a responder nenhuma pergunta, mas com uma simpatia incrível não pode nos revelar nuances do projeto.

Enquanto ainda há algumas perguntas sem respostas, “Stack it Up” está aí. O áudio oficial da música apenas no YouTube soma 50 mil visualizações em 12 horas de lançamento e o clipe vai reforçar a divulgação logo mais, às 17h (horário de Brasília).



POPline Mix




Ranking