Connect with us

Ally Brooke

Entrevista: Ally Brooke conta tudo sobre a carreira solo e responde sobre possível reunião do Fifth Harmony

Focada na divulgação de “Low Key”, cantora quer lançar um álbum – ou EP – ainda neste ano.

Published

on

Ela se chama Allyson Brooke Hernandez, é natural do Texas e tem 25 anos. Está começando sua carreira de cantora solo, mas já traz uma bagagem de três álbuns lançados e um hit multiplatinado e Top 5 na Billboard Hot 100. Dos 19 aos 24 anos, Allyson integrou o Fifth Harmony, girlband que se tornou o produto mais bem sucedido do extinto “X Factor EUA”. Mas agora ela está pronta para voar sozinha. Ela é Ally Brooke.

De contrato assinado com a Atlantic Records (Warner Music) e com a agência Maverick Entertainment (a mesma que cuida de Britney Spears e Madonna), a cantora se dedica à divulgação de seu primeiro single propriamente dito, “Low Key”, com participação do rapper Tyga. A música, que entrou no Top 25 das rádios pop dos Estados Unidos, tem concentrado toda a atenção de Ally. Ultimamente, ela dedica sua agenda a visitar estações de rádio, dar entrevistas, ensaiar e fazer performances. “Low Key” é seu cartão de visitas e ela quer se certificar de que o máximo possível de pessoas a ouçam.

POPLINE – Parabéns pelo seu single “Low Key”!
ALLY BROOKE –
Ai meu Deus, muito obrigada! Muito, muito obrigada! É um momento muito empolgante para mim agora, então obrigada mesmo pelo apoio.

Como você se sente começando a carreira solo? É começar do zero?
Sim! É muito incrível. Sou livre para ser quem eu sou como artista solo. Faço a música que queria fazer há muito tempo. É muito legal que as pessoas estejam gostando do meu som. Você nunca sabe o que vai acontecer, mas a resposta está inacreditável.

Você vai lançar seu álbum neste ano?
Esse é o plano! Eu vou fazer um EP ou um álbum completo. Eu espero que saia no outono [norte-americano, equivalente à nossa primavera]. Já tenho algumas músicas que me deixam muito animada e que sei que entrarão no álbum. São muito divertidas, empoderadas, fortes. Mal posso esperar para que vocês ouçam, porque são a definição de quem eu sou.

São todas escritas por você?
Não. Algumas são de co-autoria e outras foram escritas por outros compositores, mas é engraçado porque eu me diverti muito trabalhando nelas também, sabe?

(Foto: Getty Images)

Sobre o que você está falando nas músicas novas?
Em “Low Key”, meu single, é basicamente sobre uma garota que percebe que um cara está a fim dela, que está olhando para ela, então ela diz “oi, eu estou vendo, você está de olho em mim, mas há muitas coisas sobre mim que você não vê”.

“Low Key” é uma boa dica do tipo de música que você quer cantar no álbum?
Oh, sim, definitivamente! É uma afirmação de quem eu sou como artista e com certeza do tipo de som que as pessoas podem esperar.

Diga-me algo que você ainda não falou em nenhuma entrevista sobre seu álbum solo.
Uuuuuuh! Hum…. O que eu ainda não disse provavelmente é… que as pessoas conhecerão facetas ainda mais diferentes de mim. É meio tipo que: espere o esperado, mas espere também pelo inesperado. Será uma jornada.

Você já sabe quando lançará seu próximo single?
Não. Não sei ainda. Estamos felizes e queremos focar em “Low Key” por enquanto. É o início de uma jornada para mim, e estou muito feliz.

Você sente alguma pressão para alcançar o tipo de sucesso que Fifth Harmony teve no passado?
Uhhh! Não, na verdade não. Eu me sinto em um lugar diferente agora. Estou sozinha. Não sei. Estou focada em fazer o tipo de música que me deixa feliz e em mostrar isso para o mundo. Espero que as pessoas amem e que dancem bastante. Quero fazer músicas que façam as pessoas sentirem algo – felicidade ou outras emoções. Estou mesmo muito animada. Quero me divertir e espero que as pessoas se divirtam também.

Camila Cabello usou suas raízes latinas em “Havana”, e você também tem uma família latina. Quer explorar isso em suas músicas?
Definitivamente. Minha família é muito grande e nós amamos música em espanhol, música latina, então… Eu já lancei uma música chamada “Vámonos!”…

Siiiim! É verdade.
Siiiiim! [muito feliz] É uma música muito divertida! Minha família amou totalmente. Eles sempre tocam e ficam enlouquecidos. Minha família ficou muito orgulhosa, então é claro que quero fazer mais músicas em espanhol, porque é quem eu sou, é minha raiz.

Você ainda ouve músicas em espanhol?
Ouço. Eu boto para escutar a playlist Viva Latino! no Spotify. Adoro Ozuna, J Balvin, Natti Natasha, Sofia Reyes que é minha amiga… Também adoro Becky G, que é extraordinária. Essas músicas fazem eu me sentir maravilhosa, livre, sensual, tudo de bom.

Você veio ao Brasil muitas vezes com o Fifth Harmony. Quando te veremos aqui em carreira solo?
Eu estou muito animada, porque eu e minha equipe estamos falando muito sobre voltar ao Brasil. Eu ainda não sei quando, mas sei que é uma prioridade, porque muitos dos meus fãs maravilhosos estão no Brasil, e eu sinto muita falta deles. Vocês não têm ideia. Eu sinto saudades com todo meu coração. Então espero ir nos próximos meses. Assim que eu souber de algo, vocês saberão.

Do que você sente saudade do Brasil?
Sinto saudade do povo. As pessoas são muito incríveis, amáveis, leais, apaixonadas e legais. Você realmente não consegue encontrar pessoas como os brasileiros pelo mundo. Sinto muito saudade das pessoas. Mas claro que sinto falta também da comida, o “pão de queijo” [fala em português], e das cidades bonitas.

(Foto: Getty Images)

Nossa entrevista está terminando, mas tenho que perguntar isso. Começando a carreira solo, você sente saudade das garotas do Fifth Harmony quando dá entrevistas ou faz apresentações?
Nós estivemos juntas por muito tempo, foi maravilhoso e sou muito grata pelo grupo, mas estou muito empolgada por poder estar por conta própria, assim como todas. Eu sei que todas estão indo muito bem, arrasando e é muito legal ver o que estão fazendo. Eu mal posso esperar por fazer mais performances [solo], porque acho que será muito legal.

Os fãs acreditaram quando vocês falaram “hiato” ao invés de “fim”. Você realmente acredita que serão um grupo novamente no futuro?
Uh! Eu não sei! Vamos ver o que acontece. Eu sei que todas estão fazendo suas coisas e vivendo bons momentos, mas você nunca sabe o que vai acontecer, então… vamos ver!

Para encerrar, deixe uma mensagem para os fãs brasileiros.
Siiiiim! Meus fãs brasileiros, eu amo muito vocês! Vocês são tão legais, lindos e especiais. Eu adoro vocês. Muito obrigada por todo o amor. Eu espero ver vocês em breve! “EU TE AMO!” [diz em português]

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HojeTemLive.com.br




Ranking