banner com link para rádio globo
Machine Gun Kelly e Corey Taylor / Foto: Getty Images (uso autorizado)
in

Entenda a confusão do Machine Gun Kelly com Corey Taylor (Slipknot)

Confusão começou em show no domingo e continuou nas redes sociais.

Machine Gun Kelly e Corey Taylor estão protagonizando um bate-boca com interesse total da mídia gringa. Vamos entender a confusão.

No domingo, 19 de setembro, tanto o músico quanto o Slipknot foram escalados para o Riot Fest, em Chicago, nos Estados Unidos. E um fã capturou um vídeo do MGK soltando essa pra plateia: “vocês querem saber o que realmente eu não farei? Ter 50 anos e usar uma máscara esquisita num palco”. Após uma pausa, ele muda de assunto: “qual o doce preferido de vocês?” pergunta, disfarçando. Assista:

É claro que não precisou dizer o nome do Slipknot para saber a quem a treta foi endereçada. E ela continuou… NO TWITTER.

“Corey fez um verso em uma das músicas para o meu álbum ‘Tickets to my Downfall’ e ficou muito ruim então eu não usei. Ele ficou puto e falou merda para uma revista sobre o álbum que ele quase estaria. Todas as suas histórias não condizem [com a verdade], vamos admitir apenas que ele é amargo”, escreveu MGK.

Posteriormente, MGK deu a entender que o problema era um desentendimento entre gerações – e de fãs também. “Não odeie a juventude”, escreveu ele também no Twitter. “Muito esquisito que quando artistas falam merda e eu respondo, eu sou o cara mau”.

Corey não se calou e disse que apesar de “não gostar de pessoas soltando coisas privadas como crianças” é isso o que ele tem a dizer: “eu não fiz a música porque eu não gosto que escrevam por mim. Eu disse NÃO a ELES. Isso é tudo que eu vou dizer por agora”.

Leia mais

O líder do Slipknot compartilhou uma troca de emails com Travis Barker, produtor do álbum do Machine Gun Kelly, com a conversa sobre a parceria em “Can’t Look Back”. No email Travis disse que “amaram a música” e deram algumas instruções porque eles estavam “quase lá”. Entre as dicas dadas por Travis a Corey está a adição de uma ponte nova para a canção e uma nova ideia para o verso dele. “Ele pode mandar isso se f****, mas ele pode se sentir inspirado se ele quiser tentar de novo”.

Como resposta, Corey disse que “não era o cara certo para a música”. “Nada pessoal, só acho que se é isso que o MGK está buscando alguém é a pessoa certa. Está TUDO bem, e eu estou animado por ele – espero que vocês achem a pessoa certa pra parceria. Espero que entendam e eu desejo o melhor pra vocês. Se eu puder ajudar de alguma forma ainda, me avisem”.

Machine voltou a alfinetar respondendo a Corey novamente no Twitter. “basicamente seu verso era ruim. Com respeito eu estava apenas pedindo para você reescrever porque era muito ruim. Com respeito. Mas vamos fazer um cover da Britney Spears juntos”.

A Rolling Stone fez questão de compartilhar a confusão com dois adendos ao Machine Gun Kelly: no primeiro, a revista avisa que apenas um integrante do Slipknot tem mais de 50 anos, e no segundo lembra que Kelly já pintou até a língua de preto.

Xi.

Escrito por Amanda Faia

A Fazenda 13: Nego do Borel admite que levou camisinha para a Baia

Lil Nas X "será a estrela pop definitiva de sua geração"

Lil Nas X revela faixa que seria feat com Nicki Minaj e garante vinda ao Brasil