Bomba! Voz nos álbuns da Britney pode ser de outra cantora
(Foto: Divulgação)
in ,

Empresa pede para deixar a co-tutela de Britney Spears

Depoimento da cantora foi determinante para a decisão da Bessemer Trust.

O depoimento de Britney Spears em tribunal, no caso de sua tutela, teve relatos chocantes e começa a dar resultados positivos para a cantora. Segundo informações do jornal The New York Times, a empresa que agiria como co-tutor da fortuna da cantora, ao lado de seu pai Jamie, pediu para deixar a função.

Britney Spears
Foto: Mario Testino

Em novembro de 2020, a empresa de gerenciamento financeiro Bessemer Trust foi oficializada como co-tutora dos bens e gastos de Britney Spears e após o depoimento da cantora, a empresa comunicou sua saída da posição, em respeito aos desejos de Britney.

“Como resultado do depoimento da tutelada na audiência do dia 23 de junho, porém, o requerente [Bessemer Trust] tomou conhecimento que a tutelada é contra a continuidade de sua conservadoria e deseja terminar a tutela. O requerente ouviu a tutelada e respeita seus desejos”, dizia o documento protocolado pelos advogados da empresa em tribunal.

No pedido para deixar a posição de co-tutora da fortuna de Britney, a Bessemer Trust revela que, apesar de estar oficializada na função desde novembro, ela não chegou a fazer nenhuma movimentação ou decisão em relação aos bens e finanças da cantora.

A decisão do juiz sobre a saída da Bessemer Trust como co-tutora da fortuna de Britney Spears, estimada em 60 milhões de dólares, ainda não foi divulgada e, caso seja positiva para a saída da empresa, ainda está incerto se Jamie Spears seguirá novamente como tutor único dos bens da cantora.

O jornal ainda declara que o advogado de Britney, Samuel D. Ingham III, ainda não protocolou um pedido formal para o fim da consevadoria no tribunal.

Representante de Britney Spears vai apresentar plano para fim de tutela

Britney Spears
Documentário sobre Britney Spears /Foto: Jason Merritt/Getty Images

É a vitória do movimento #FreeBritney? Tudo indica que o desabafo de Britney Spears em torno de sua tutela, ao qual denominou como “excessivamente abusiva” está surtindo efeitos positivos. É que nesta quarta (30), Jodi Montgomery, responsável pela Princesinha do Pop, rebate afirmações do pai da artista, Jamie, de que ela seria a responsável pelas dificuldades e sofrimento de Britney. Além disso, ela ainda pretende apresentar um plano com o objetivo de levar ao fim da tutela.

Jodi afirmou, por meio de seu advogado, que tem sido uma “defensora incansável” de Britney e que o pai da cantora é o responsável por aprovar todo e qualquer gasto como tutor do patrimônio da artista. Além disso, através do comunicado, Jodi afirmou também que vai apresentar um plano de cuidados ao tribunal como um caminho de encerrar a tutela de Britney.

Escrito por Kavad Medeiros

Portas

Marisa Monte apresenta “Portas”, seu primeiro álbum solo em 10 anos

Dua Lipa revela importância de P!nk em seu empoderamento: “Alfa feminino”