in

Designer de palco da turnê da Lorde discorda de acusações contra Kanye West

Na última segunda-feira (12) Lorde usou suas redes sociais para reclamar que Kanye West supostamente teria “roubado” a ideia de seu palco da “Melodrama Tour” em recente show.

“Eu estou orgulhosa do trabalho que eu faço e fico lisonjeada quando outro artistas se inspiram nisso, inclusive quando eles escolhem tentar para si próprios. Mas eu não roubo, nem de mulheres e nem de ninguém, nem em 2018, nem nunca”, escreveu ela.

No entanto, Es Devlin, Designer responsável pelo palco de Lorde, resolveu se pronunciar e discorda das acusações. “A ideia de uma caixa de vidro flutuante, é claro, não é de forma alguma nova e a geometria precede todos nós”, Devlin postou no Instagram. “A forma encontra outra camada de ressonância em cada novo contexto”, refletiu.

“Eu não projetei a performance recente do Kids See Ghosts (projeto de Kanye West e Kid Cudi): eu trabalhei com a Lorde no design de sua performance no Coachella”, continuou ele. “Admiro ambos e não vejo nenhuma imitação no trabalho aqui. Acho que o ponto mais interessante é que ambos os artistas, respondendo aos nossos momentos desarticulados, estão sendo atraídos para esse gesto da frágil sala flutuante: o mundo não ancorado pela gravidade, onde as regras de civilização e identidade como as conhecemos podem em breve não se aplicar”, completou.

Por outro lado, o colaborador visual John Maguire, que participou da equipe de criação de Kanye West, também falou. “Cubos flutuantes não são novos para Kanye West, cenografia ou arquitetura”, explicou ao The New York Times. “É só pesquisar na internet ‘caixa de vidro flutuante’, vem muitos exemplos de cubos de vidro suspensos”.

Escrito por Caian Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

“Delicate” é o 13º clipe da Taylor Swift a ultrapassar 300 milhões de visualizações

Cardi B responde críticas sobre ser jurada em reality show