Foto: Divulgação
in

Deezer lança playlist com versões de clássicos dos anos 80

“InVersions 80s” traz alguns dos maiores artistas alternativos da nova geração recriando clássicos dos anos 80 em seu próprio estilo

Os anos 80 foram uma das décadas mais marcantes para o cenário musical em todo o mundo, sendo cenário de hinos inesquecíveis, que inclusive, alcançam até hoje um público que está longe de ter vivido aquela época. Inovando mais uma vez, a Deezer lançou do “InVersions 80s“, um novo álbum original da plataforma no qual alguns dos maiores artistas alternativos da nova geração recriam clássicos dos anos 80 em seu próprio estilo.

Esta é a segunda vez que o InVersions convida artistas alternativos e indies a reimaginarem canções que marcaram gerações em sua própria maneira distinta de compor. Desta vez, os fãs podem ouvir os hits favoritos do público dos anos 80 através de uma nova e ousada perspectiva com nomes como: Wolf Alice, banda britânica vencedora do Mercury Prize, que deu um toque de guitarra moderno ao clássico melancólico da Roxy Music, ‘More Than This’.

Também se junta ao lançamento a estrela britânica em ascensão Holly Humberstone, que impressiona com uma bela e delicada reformulação de “I Would Die 4 U” do Prince. Enquanto isso, a vencedora dos prêmios Ivor Novello e MOBO (Music Of Black Origin), Laura Mvula, reinterpreta a canção antológica de Toto, ‘África”, ​​trazendo uma visão totalmente emocionante.

Pra quem sentiu falta de representantes brasileiros no repertório até agora pode comemorar, há duas reinterpretações:  a primeira é da banda Terno Rei, que traz uma versão exclusiva do sucesso do Djavan, “Lilás”.

Já a segunda, marca o retorno, mais que bem-vindo, do ícone indie CSS (Cansei de Ser Sexy), com a primeira nova gravação do grupo nos últimos oito anos, a banda entrega uma versão arrebatadora de ‘Buffalo Stance’ de Neneh Cherry.

“Sempre sonhei em fazer um cover e tocar essa música com o CSS. A letra é contemporânea, falando sobre auto-estima e confiança”, revela Lovefoxxx, vocalista da CSS.

Além desses, outros nomes que integram a obra são: a sensação viral da Noruega, Boy Pablo, o príncipe do pop mexicano americano Cuco e a estrela emergente do R&B dos Estados Unidos, Cautious Clay. Esses artistas compartilham interpretações emocionantes de hinos de algumas das maiores bandas da época (Human League, Simple Minds e Simply Red, respectivamente).

Em tempo…

O projeto da Deezer ‘InVersions’, lançado no ano passado, contou com uma mescla de artistas em ascensão, incluindo o queridinho indie Arlo Parks e Alfie Templeman, juntamente de nomes alternativos mais consagrados, como Fontaines DC e BENEE. O projeto se tornou um dos originais da Deezer de maior sucesso até hoje e abriu caminho para esta nova versão, focada nos anos 80.

“A música dos anos 80 está presenciando um ressurgimento como nunca antes, com toda uma nova geração de fãs abraçando os sons desta década única. Por isso, pareceu completamente natural convidar artistas em ascensão dos dias de hoje para colocar um toque moderno em seus hinos favoritos dos anos 80”, revela Nigel Harding, VP da Deezer de Marketing Global de Artistas.

Segundo ele, o resultado soa como ouvir todas essas canções novamente pela primeira vez. “Assim como nosso último projeto do InVersions, que teve um crescimento de streams de mais de 200% para alguns de nossos artistas em destaque, estou confiante de que os fãs de música de todo o mundo vão adorar este novo álbum do Originals”, completa.

Ouça playlist completa:

Escrito por Rafa Ventura

Pabllo Vittar cantará na Parada Virtual do Orgulho LGBT de SP

Pabllo Vittar cantará na Parada Virtual do Orgulho LGBTQIA+ de SP

Série documental de Lexa é destaque no Globoplay em junho