(Foto: Divulgação)
in

De artista mirim à dominação mundial: conheça a carreira de Camilo!

Cantor começou a carreira com 13 anos na versão infantil do “The X Factor”.

Nome forte da música latina, o colombiano Camilo quer que sua música adentre também o Brasil. O artista vem estreitando laços com o país e fazendo questão de inserir a mídia brasileira na agenda de divulgação de seu single novo, “Vida de Rico”. Camilo, por exemplo, cantou no festival POPline Masks4All e, mais recentemente, dividiu vocais com a cantora Flay na live dela.

“Vida de Rico”

Nova aposta de Camilo, “Vida de Rico” é o primeiro single do próximo álbum do cantor. Em sete dias, o clipe ultrapassou 27 milhões de acessos. A música é uma cumbia tradicional, dedicada à esposa Evaluna. Segundo o cantor, o single acompanha a narrativa de sua vida pessoal desde que se apaixonou, se casou, foi para lua de mel e agora vive com a esposa.

“Essa música descreve a mim e o que estou vivendo. Embora esteja cantando- hoje, ela também é cantada pelo meu interior de 10 anos de idade, que se sentava com os pais em nossa varanda e imaginava a casa, o carro e o futuro dos meus sonhos”, diz.

Camilo venceu versão infantil do “The X Factor”

A carreira de Camilo começou a decolar em 2007, quando participou da versão infantil do “The X Factor” na Colômbia. Ele tinha apenas 13 anos e consagrou-se campeão da competição, assinando seu primeiro contrato e lançando o single “Regálame Tu Corazón”.

O artista lançou dois álbuns na esteira do programa – “Regálame Tu Corazón” (2008) e “Tráfico de Sentimientos” (2010) – enquanto vivia sua adolescência. Ao chegar à vida adulta, ele deu uma pausa nos lançamentos e passou a se dedicar à vertente de compositor, escrevendo hits para outros artistas.

(Foto: Divulgação)

Camilo começou compondo para outros artistas

São de autoria dele “Sin Pijama” da Becky G com a Natti Natasha, “Mi Mala” de Mau y Ricky com a Karol G e “Si Estuviésemos Juntos” do Bad Bunny. Até para Anitta ele escreveu. “Veneno”, hit certificado como ouro nos Estados Unidos, é de co-autoria dele.

O retorno como cantor aconteceu em 2018, com a música “Desconocidos”, que o colocou para tocar nas rádios pop dos Estados Unidos. O desempenho rendeu um contrato com a Sony Music Latin em 2019 e um álbum novo em abril deste ano, “Por Primera Vez”.

(Foto: Divulgação)

Álbum fez enorme sucesso

O disco recebeu mais de 3,6 bilhões de streams e certificações de 6x platina na Argentina, 3x platina na Colômbia e no Peru, platina nos Estados Unidos e ouro na Espanha.

A tracklist inclui hits como “Favorito”, que chegou ao Top 30 global do Spotify, “Tutu”, com mais de 1,4 bilhão de reproduções, e “No Te Vayas”, nº1 na Colômbia. “Tutu”, com Pedro Capó, ganhou ainda um remix com Shakira. Para o álbum “Por Primera Vez”, Camilo caprichou no visual, gravou uma série de clipes, e hoje seu canal tem 8,21 milhões de inscritos e dois bilhões de reproduções. Um sucesso.

Platina no Brasil

Camilo conquistou ainda o certificado de platina no Brasil com o single “Tutu”. Mesmo com pouco tempo de volta à ativa como cantor, o colombiano já está entre os 100 artistas mais ouvidos do mundo no Spotify. São mais de 23 milhões de ouvintes mensais. “Vida de Rico”, seu novo single, já aparece no Top 100 global. No último fim de semana, ele cantou essa música na live da Flay. Confira:

Escrito por Leonardo Torres

Wanessa Camargo anuncia novo álbum “Universo Invertido”

Dua Lipa: Clipe de “Levitating”, com o rapper DaBaby, tem estreia marcada no TikTok; Veja prévia!